10/2019

Como planejar suas férias com consórcio de viagem?

A carta de crédito dá poder de compra à vista. Ao negociar com uma agência de viagens o valor total, você pode obter um desconto considerável. Saiba como o Consórcio de Serviços.

Viajar é uma das melhores coisas da vida, não é mesmo? Além de proporcionar bem-estar, descanso e conhecimento, existem diversos benefícios para a saúde, segundo pesquisas recentes. 

Viagens ajudam a melhorar o relacionamento com as pessoas, aliviam o estresse, auxiliam na organização de nossas vidas e estimulam a nossa criatividade em diversas situações. Sem falar que rendem histórias incríveis, para compartilhar com a família, com os amigos e nas nossas redes sociais!

Mas, para que tudo dê certo, é preciso planejar com antecedência. Porque uma viagem não é o mesmo que o passeio na cidade; envolve locomoção, mudanças, roteiros e algumas improbabilidades. 

Por isso, o ideal é se organizar o quanto antes, para que possa aproveitar o melhor das suas férias - seja sozinho, com os amigos ou com toda a família.

Você sabia que, com o consórcio, também pode preparar a viagem dos seus sonhos? Confira nossas dicas de como planejar as próximas férias.

Consórcio de viagem: como funciona?

Nos últimos anos, as administradoras de consórcio ampliaram seu portfólio, indo além da aquisição de automóveis e imóveis.

O consórcio de viagem é uma dessas possibilidades, dentro de uma categoria que inclui estudos, reforma, festas, cirurgias e até casamento. Todos esses produtos compõem o consórcio de serviços.

Nessa categoria, é possível investir em cartas de crédito entre R$ 15 mil e R$ 30 mil, que podem ser divididos entre 20 e 40 parcelas.

No caso da viagem, o ideal é estipular uma data final após a contemplação, ou seja, a partir de 2 anos. 

Mas, se a ideia é organizar uma viagem num prazo menor, também é possível fazer a oferta de um lance nas assembleias mensais e, assim, ter em mãos a carta de crédito com antecedência.

A carta de crédito dá poder de compra à vista. Ao negociar com uma agência de viagens o valor total, você pode obter um desconto considerável. Pode-se investir tanto em viagens nacionais, quanto internacionais. 

Antes de fazer a simulação, confira o valor total da viagem com uma agência de sua confiança. 

Além de pagar as passagens, o consórcio de viagens também cobre hospedagens, passeios e outros serviços adicionais.

A administradora, porém, não faz o repasse da carta de crédito ao consorciado. Na etapa de comprovações após a contemplação, é preciso informar a agência ou responsável pelo pacote de viagens, para que o repasse seja feito.

Se o valor da carta de crédito for maior que o preço da viagem, é possível usar o valor reminiscente para quitar as parcelas restantes do consórcio. 

Se a viagem sair mais caro, não se preocupe: você pode completar com os seus próprios recursos.

Além da carta em mãos, o ideal é estar preparado para os gastos com compras, restaurantes e passeios que não estão inclusos no pacote. Por isso, confira muito bem quais gastos serão cobertos pela sua agência, para que não tenha contratempos. 

Claro que, com o consórcio de viagem, tudo isso sai mais em conta. Assim, você se preocupa apenas com os gastos que terá nos melhores momentos, assegurando uma viagem tranquila e confortável.

Faça uma simulação e confira as vantagens da empresa mais inovadora de consórcio. Ah, com o UP, você só paga taxa de administração após a contemplação da carta!


Simule seu consórcio agora mesmo!

Simule agora

Outras matérias relacionadas

10/2019

6 cuidados de beleza durante o verão

Conheça os cuidados de beleza fundamentais para o verão.

10/2019

Dá para comprar carro seminovo com consórcio?

Saiba como comprar um modelo seminovo com consórcio.

10/2019

Casa de campo ou casa na praia: qual é melhor?

Tá chegando a hora de ter uma outra casa e você está em dúvida em qual?

Como planejar suas férias com consórcio de viagem?

Como planejar suas férias com consórcio de viagem?

Viajar é uma das melhores coisas da vida, não é mesmo? Além de proporcionar bem-estar, descanso e conhecimento, existem diversos benefícios para a saúde, segundo pesquisas recentes. 

Viagens ajudam a melhorar o relacionamento com as pessoas, aliviam o estresse, auxiliam na organização de nossas vidas e estimulam a nossa criatividade em diversas situações. Sem falar que rendem histórias incríveis, para compartilhar com a família, com os amigos e nas nossas redes sociais!

Mas, para que tudo dê certo, é preciso planejar com antecedência. Porque uma viagem não é o mesmo que o passeio na cidade; envolve locomoção, mudanças, roteiros e algumas improbabilidades. 

Por isso, o ideal é se organizar o quanto antes, para que possa aproveitar o melhor das suas férias - seja sozinho, com os amigos ou com toda a família.

Você sabia que, com o consórcio, também pode preparar a viagem dos seus sonhos? Confira nossas dicas de como planejar as próximas férias.

Consórcio de viagem: como funciona?

Nos últimos anos, as administradoras de consórcio ampliaram seu portfólio, indo além da aquisição de automóveis e imóveis.

O consórcio de viagem é uma dessas possibilidades, dentro de uma categoria que inclui estudos, reforma, festas, cirurgias e até casamento. Todos esses produtos compõem o consórcio de serviços.

Nessa categoria, é possível investir em cartas de crédito entre R$ 15 mil e R$ 30 mil, que podem ser divididos entre 20 e 40 parcelas.

No caso da viagem, o ideal é estipular uma data final após a contemplação, ou seja, a partir de 2 anos. 

Mas, se a ideia é organizar uma viagem num prazo menor, também é possível fazer a oferta de um lance nas assembleias mensais e, assim, ter em mãos a carta de crédito com antecedência.

A carta de crédito dá poder de compra à vista. Ao negociar com uma agência de viagens o valor total, você pode obter um desconto considerável. Pode-se investir tanto em viagens nacionais, quanto internacionais. 

Antes de fazer a simulação, confira o valor total da viagem com uma agência de sua confiança. 

Além de pagar as passagens, o consórcio de viagens também cobre hospedagens, passeios e outros serviços adicionais.

A administradora, porém, não faz o repasse da carta de crédito ao consorciado. Na etapa de comprovações após a contemplação, é preciso informar a agência ou responsável pelo pacote de viagens, para que o repasse seja feito.

Se o valor da carta de crédito for maior que o preço da viagem, é possível usar o valor reminiscente para quitar as parcelas restantes do consórcio. 

Se a viagem sair mais caro, não se preocupe: você pode completar com os seus próprios recursos.

Além da carta em mãos, o ideal é estar preparado para os gastos com compras, restaurantes e passeios que não estão inclusos no pacote. Por isso, confira muito bem quais gastos serão cobertos pela sua agência, para que não tenha contratempos. 

Claro que, com o consórcio de viagem, tudo isso sai mais em conta. Assim, você se preocupa apenas com os gastos que terá nos melhores momentos, assegurando uma viagem tranquila e confortável.

Faça uma simulação e confira as vantagens da empresa mais inovadora de consórcio. Ah, com o UP, você só paga taxa de administração após a contemplação da carta!


Últimas Postagens

Entre investir seu dinheiro e adquirir um bem, escolha as duas opções.

Saiba como investir em uma alternativa financeira sem juros e sem taxa de adesão

Descubra como usar seu FGTS no Consórcio de Imóveis

Confira como aproveitar o FGTS na aquisição da sua carta de crédito

Como planejar uma viagem em família?

Confira algumas dicas e planeje-se para viajar tranquilamente com a família

Descubra o Consórcio de Equipamentos

Investir no consórcio é a melhor alternativa para quem precisa de equipamentos.

Cinco mitos e verdades sobre consórcio

Confira as incertezas mais comuns em torno do consórcio e tire suas dúvidas.

Serviços mais contratados pelo consórcio

O UP oferece um consórcio que atende todas as demandas solicitadas.
Próximo
1 / 13