Voltar
03/2020

Cinco mitos e verdades sobre consórcio

Confira as incertezas mais comuns em torno do consórcio e tire suas dúvidas. Essa lista é ideal para você, que pretende fazer um consórcio, mas ainda está um pouco inseguro.

O que você sabe sobre consórcio? Será que é necessário mesmo “ter sorte” para ser contemplado? E como você sabe que a aquisição do consórcio é realmente segura? Listamos aqui alguns dos mitos mais comuns em torno do tema. Essa lista é ideal para você, que pretende fazer um consórcio, mas ainda está um pouco inseguro.

MITOS

Precisa ter sorte para ser contemplado?

Não precisa. Se você está ansioso para ser contemplado, faça lances durante as assembleias para aumentar as chances. As assembleias acontecem uma vez por mês e são ótimas oportunidades de tentar a contemplação.

Como confiar que o consórcio é regulamentado?

O consórcio é – e precisa, ser regulamentado pelo Banco Central do Brasil, autarquia autônoma responsável pelas normas, regras e fiscalização periódica. Além do Banco Central, há também duas entidades que regulam o setor: a ABAC – Associação Brasileira de Administradores de Consórcios e também o SINAC – Sindicato Nacional dos Administradores de Consórcio.

A parcela aumenta sem aviso prévio?

Não aumenta sem aviso, mas há somente um reajuste anual de acordo com a inflação, o que viabiliza a compra do bem quando o consorciado for contemplado (que atualiza o valor do bem para manter o poder de compra). É aplicado o Índice Nacional da Construção Civil (INCC) no caso da aquisição de imóveis e também o Índice De Preços ao Consumidor Amplo (IPCA) para autos e serviços.

Taxa Administrativa é igual a juros?

A taxa cobrada nos consórcio é em média 20% de todo o prazo contratado. Ao dividir a taxa pelos meses do plano, é matematicamente impossível compará-la aos juros praticados nos financiamentos. Ainda que tenhamos condições extraordinárias e taxa SELIC jamais vista na história, os juros nunca poderão ser comparados à taxa administrativa cobrada no consórcio. Como comparar uma média de 8% ao ano com 20% em todo o prazo? Sem considerar claro que o financiamento também tem cobrança de taxas e seguro obrigatório.

É preciso pagar todas as parcelas para obter o crédito?

Não! Você já tem chances de ser contemplado no primeiro sorteio e pode, inclusive, fazer (ofertar) lances para aumentar as chances de contemplação.

VERDADES

Consórcio não tem juros

Não há cobrança de juros, somente de taxa de administração, adesão e fundo reserva. No UP Consórcios, você não paga pela adesão e nem pelo fundo de reserva, somente a taxa administrativa depois que você é contemplado. Não se esqueça que não cobramos taxa retroativa, sobre as parcelas anteriores à contemplação.

Posso quitar um financiamento com consórcio?

Sim! Você pode usar sua carta de crédito para abater parcelas ou, até mesmo, quitar um financiamento, reduzindo os juros da transação.

Consórcio é um tipo de investimento

Q Quando você, consorciado, é contemplado, pode optar por não receber a carta de crédito e ter os valores pagos devolvidos e  corrigidos de acordo com o Índice da Poupança. Portanto, a resposta é sim. Além disso, a partir do momento da contemplação, o valor total da carta de crédito fica aplicado em um fundo de investimento à curto prazo, ou seja, se mantiver a contemplação, mas optar por não comprar o bem de imediato, terá rendimentos mensais na sua carta, independente dos valores pagos. Ou seja, consórcio não é um investimento, é um excelente investimento.

Estou com o nome sujo, posso fazer consórcio?

Sim, claro! Só que é importante que as pendências sejam organizadas até a contemplação, momento em que há uma análise de renda e também financeira de crédito.

Posso passar minha cota para outra pessoa?

Sim, para um familiar ou conhecido. O processo deve ser feito com o intermédio da administradora, que transfere as parcelas pendentes e as obrigações do contrato. Agora que você aprendeu bastante sobre consórcios, que tal conhecer as vantagens do UP e simular um consórcio aqui no site?

Simule seu consórcio agora mesmo!

Simule agora

Outras matérias relacionadas

02/2020

Saiba o que é inteligência financeira

Inteligência financeira é a capacidade de saber usar bem o dinheiro. Saiba mais!

02/2020

Descubra como usar seu FGTS no Consórcio de Imóveis

Confira como aproveitar o FGTS na aquisição do seu Consórcio de Imóveis!

03/2020

Tire suas dúvidas sobre a oferta de lance no consórcio

Lance é o valor ofertado pelo cliente para aumentar as chances de contemplação. Vamos te ajudar a entender um pouco mais acesse e confira!

Cinco mitos e verdades sobre consórcio

Cinco mitos e verdades sobre consórcio

O que você sabe sobre consórcio? Será que é necessário mesmo “ter sorte” para ser contemplado? E como você sabe que a aquisição do consórcio é realmente segura? Listamos aqui alguns dos mitos mais comuns em torno do tema. Essa lista é ideal para você, que pretende fazer um consórcio, mas ainda está um pouco inseguro.

MITOS

Precisa ter sorte para ser contemplado?

Não precisa. Se você está ansioso para ser contemplado, faça lances durante as assembleias para aumentar as chances. As assembleias acontecem uma vez por mês e são ótimas oportunidades de tentar a contemplação.

Como confiar que o consórcio é regulamentado?

O consórcio é – e precisa, ser regulamentado pelo Banco Central do Brasil, autarquia autônoma responsável pelas normas, regras e fiscalização periódica. Além do Banco Central, há também duas entidades que regulam o setor: a ABAC – Associação Brasileira de Administradores de Consórcios e também o SINAC – Sindicato Nacional dos Administradores de Consórcio.

A parcela aumenta sem aviso prévio?

Não aumenta sem aviso, mas há somente um reajuste anual de acordo com a inflação, o que viabiliza a compra do bem quando o consorciado for contemplado (que atualiza o valor do bem para manter o poder de compra). É aplicado o Índice Nacional da Construção Civil (INCC) no caso da aquisição de imóveis e também o Índice De Preços ao Consumidor Amplo (IPCA) para autos e serviços.

Taxa Administrativa é igual a juros?

A taxa cobrada nos consórcio é em média 20% de todo o prazo contratado. Ao dividir a taxa pelos meses do plano, é matematicamente impossível compará-la aos juros praticados nos financiamentos. Ainda que tenhamos condições extraordinárias e taxa SELIC jamais vista na história, os juros nunca poderão ser comparados à taxa administrativa cobrada no consórcio. Como comparar uma média de 8% ao ano com 20% em todo o prazo? Sem considerar claro que o financiamento também tem cobrança de taxas e seguro obrigatório.

É preciso pagar todas as parcelas para obter o crédito?

Não! Você já tem chances de ser contemplado no primeiro sorteio e pode, inclusive, fazer (ofertar) lances para aumentar as chances de contemplação.

VERDADES

Consórcio não tem juros

Não há cobrança de juros, somente de taxa de administração, adesão e fundo reserva. No UP Consórcios, você não paga pela adesão e nem pelo fundo de reserva, somente a taxa administrativa depois que você é contemplado. Não se esqueça que não cobramos taxa retroativa, sobre as parcelas anteriores à contemplação.

Posso quitar um financiamento com consórcio?

Sim! Você pode usar sua carta de crédito para abater parcelas ou, até mesmo, quitar um financiamento, reduzindo os juros da transação.

Consórcio é um tipo de investimento

Q Quando você, consorciado, é contemplado, pode optar por não receber a carta de crédito e ter os valores pagos devolvidos e  corrigidos de acordo com o Índice da Poupança. Portanto, a resposta é sim. Além disso, a partir do momento da contemplação, o valor total da carta de crédito fica aplicado em um fundo de investimento à curto prazo, ou seja, se mantiver a contemplação, mas optar por não comprar o bem de imediato, terá rendimentos mensais na sua carta, independente dos valores pagos. Ou seja, consórcio não é um investimento, é um excelente investimento.

Estou com o nome sujo, posso fazer consórcio?

Sim, claro! Só que é importante que as pendências sejam organizadas até a contemplação, momento em que há uma análise de renda e também financeira de crédito.

Posso passar minha cota para outra pessoa?

Sim, para um familiar ou conhecido. O processo deve ser feito com o intermédio da administradora, que transfere as parcelas pendentes e as obrigações do contrato. Agora que você aprendeu bastante sobre consórcios, que tal conhecer as vantagens do UP e simular um consórcio aqui no site?

Últimas Postagens

Dicas para reformar sua casa

Quer dar uma repaginada no visual de sua casa, mas não sabe por onde começar? Confira nossas dicas para reformar sua casa!

Dicas para manter seu carro sempre novo

Você sabia que há cuidados que podem elevar a vida útil do seu carro? Clique aqui e confira nossas dicas para manter seu carro sempre novo!

Dicas de como não errar na hora de comprar um carro seminovo

Você está pensando em comprar um carro? Então confira nossas dicas de como não errar na hora de comprar um carro seminovo!

O que é uma Assembleia de Consórcio

Você sabe o que é uma Assembleia de Consórcio? É o momento mais esperado para aqueles que participam de um consórcio. Acesse nossa postagem e saiba mais!

Reforma sem dor de cabeça: dicas para escolher um bom prestador de serviços

Quando o assunto é reforma, sempre surgem vários pensamentos negativos, não é? Confira nossa postagem e saiba como programar uma reforma sem dor de cabeça!

Como fazer Consórcio de Dinheiro

O Consórcio de Dinheiro funciona basicamente da mesma forma que o de um automóvel ou imóvel, por exemplo. Confira nossa postagem e saiba mais!
Próximo
1 / 21