WhatsUP - UP Consórcios
11/2021

Características + Tipos de Reforma

Uma reforma de casa envolve diversos tipos de mudanças em uma construção, que podem ser pequenas e rápidas ou grandes e longas. O que irá determinar a proporção da reforma é o orçamento previsto e os objetivos que o proprietário almeja alcançar. Entretanto, para cada tipo de reforma, são exigidos cuidados diferentes e, por isso, ter um planejamento coerente é fundamental para alcançar o sucesso da sua obra.

Considerando isso, desenvolvemos este artigo para expor quais são os tipos de reforma, assim como as principais diferenças e cuidados a serem compreendidos em cada uma delas. Boa leitura!

Reforma residencial: tipos de reformas

Antes de começar qualquer reforma residencial é crucial entender os diferentes tipos existentes, afinal, cada um possui um cuidado específico de exigência. Confira!

Repaginada

A repaginada trata-se de um modelo de reforma simples e rápida, que consiste em fazer somente pequenas alterações estéticas para atualizar o ambiente. No geral, os resultados desse tipo de reforma podem ser alcançados através da pintura, de modificação na disposição ou troca completa dos móveis, além de outros tipos de mudança que não vão envolver alterações funcionais do espaço.

Além disso, devido a sua característica mais enxuta, não é necessário sair da casa para fazer a repaginada em algum ambiente. Como esse tipo de reforma não envolve grandes mudanças, é necessário ter apenas criatividade e boa vontade para imaginar o novo cenário e realizar as alterações de acordo com o planejado.

Reforma pequena

A reforma de casa considerada pequena é aquela em que apenas uma área específica demanda reparos. Ela pode ser associada a alteração da finalidade dos cômodos, ampliação de espaços, troca de peças, entre outros.

Normalmente, durante uma reforma pequena, é necessário que os moradores saiam da área a ser reformada e que uma equipe qualificada de trabalhadores seja contratada. Dependendo do tipo de alteração da reforma, é interessante contar com o auxílio de um profissional experiente na área para cuidar da documentação e gerenciar os processos que envolvem a reforma.

Reforma estrutural

As reformas estruturais tratam-se daquelas que são mais complexas e podem ser divididas em dois tipos:


  1. Aqueles que envolvem demolição de partes da construção; 
  2. Aquelas que contemplam a ampliação da construção que já existe.

Reforma residencial com demolição

Trata-se de uma reforma mais elaborada, consiste na diminuição da metragem da área construída. Dessa forma, é necessário contratar um engenheiro civil para que ele faça o acompanhamento de todo o processo da reforma, sobretudo porque é preciso fazer uma avaliação de viabilidade estrutural da residência.

Durante a demolição, recomenda-se que a residência seja desocupada para evitar acidentes, afinal, esta não é uma reforma pequena, e dependendo da organização dos moradores, pode colocar em risco a estrutura do imóvel. Além disso, também é crucial lidar com algumas documentações que são exigidas pela prefeitura, e a falta de acompanhamento neste sentido pode causar mais gastos com multas, além de tempo para resolver burocracias. 

Reforma residencial com ampliação

Este tipo de reforma consiste em aumentar a área já construída agregando novos espaços. As adições podem ser de três tipos:

  • nova área sem conexão com a área já construída;
  • anexo adjacente à construção, entretanto sem ligação com a estrutura já construída;
  • a ampliação é na construção e interfere na estrutura.

Em todos os casos apresentados acima é necessário contratar um profissional responsável para, primeiramente, providenciar um laudo técnico sobre a estrutura da residência. Se for indicado dar continuidade com a adição da nova área, ele fará o projeto de ampliação e i´ra providenciar a documentação necessária na prefeitura. Quando a ampliação dos cômodos interferir na estrutura, o indicado é esvaziar a casa — por outro lado, nos outros casos, não é necessário.

Porém, se você deseja descobrir qual o tipo de reforma irá se encaixar nas suas necessidades, faça uma lista das mudanças que pretende realizar. Tendo o checklist em mãos, analise de acordo com os modelos expostos neste conteúdo. Assim, você saberá por onde começar e como se preparar para o início da sua reforma.

Características + Tipos de Reforma - UP Consórcios

Por que o Consórcio de Reforma é uma boa alternativa? 

O consórcio de reforma é uma modalidade de crédito que, a partir da formação de grupos e do pagamento de parcelas mensais, permite o acesso ao recurso necessário para a conquista do objetivo. Ele pode ser utilizado para a contratação de serviços ou para a compra de bens, de acordo com as condições previstas em contrato.

A carta de crédito é liberada por meio de sorteios mensais, até que todos os consorciados sejam contemplados. Mas quem tem pressa pode ofertar um lance para adiantar a contemplação e começar logo a reforma. O número de contemplações varia de acordo com o saldo arrecadado com o pagamento das parcelas.

Se tratando de consórcio para reforma, é necessário fazer parte de um grupo de consórcio de serviços. Esta é uma modalidade que ainda não é amplamente conhecida, mas sempre que alguém descobre as possibilidades dele, fica surpreso e interessado.

No consórcio para reforma, a administradora fica responsável por gerenciar um grupo de pessoas. Em resumo, cada consorciado tem o dever de realizar o pagamento mensal da parcela. O valor da mensalidade do consórcio irá variar conforme o preço do serviço escolhido, assim como de acordo com o tempo planejado para o pagamento. Em geral, a duração de um consórcio de serviços se estende até no máximo 4 anos, lembrando que, quanto maior o prazo, menor a parcela.

Além disso, é válido ressaltar que, assim como todo consórcio, você pode ser contemplado tanto no começo do ciclo de pagamento, como no término das suas parcelas. De qualquer maneira, existe outra forma de ser contemplado: ofertar um lance para aumentar suas chances contemplação. Você pode adiantar a sua contemplação e garantir a contratação do serviço desejado no momento planejado.

A grande vantagem ao contratar um consórcio para reforma é o não pagamento de juros e o poder de barganha na compra à vista. Ou seja, você acaba economizando de duas formas! Mas vamos ressaltar também o fato de dormir tranquilo sabendo que tem uma parcela mensal para pagar e isso é tudo! Ao invés do empréstimo com o banco + os cheques do pedreiro + os 10 diferentes parcelamentos do cartão de crédito de cada visita ao depósito de materiais de construção + os cheques do arquiteto!

Aqui no UP Consórcios você não paga taxa alguma até a contemplação, ou seja: o momento que pode realizar o objetivo. Entre em contato conosco, vamos ser parceiros! 

Outras matérias relacionadas

11/2021

Dicas para inovar na produção agrícola

As inovações no campo, apesar de serem tendências, não são exatamente novidades. Nós te contamos tudo o que precisa saber neste artigo.

11/2021

Dá para comprar carro seminovo com consórcio?

Mais difícil do que tomar a decisão de comprar um carro é decidir que modelo comprar. Acesse e saiba se dá para comprar carro seminovo com consórcio!

11/2021

5 Hábitos da Quarentena que podem continuar após a Pandemia

Os meses passam e a quarentena no Brasil não tem previsão de término. Acesse e confira 5 Hábitos da Quarentena que podem continuar após a Pandemia!

Características + Tipos de Reforma

Características + Tipos de Reforma

Uma reforma de casa envolve diversos tipos de mudanças em uma construção, que podem ser pequenas e rápidas ou grandes e longas. O que irá determinar a proporção da reforma é o orçamento previsto e os objetivos que o proprietário almeja alcançar. Entretanto, para cada tipo de reforma, são exigidos cuidados diferentes e, por isso, ter um planejamento coerente é fundamental para alcançar o sucesso da sua obra.

Considerando isso, desenvolvemos este artigo para expor quais são os tipos de reforma, assim como as principais diferenças e cuidados a serem compreendidos em cada uma delas. Boa leitura!

Reforma residencial: tipos de reformas

Antes de começar qualquer reforma residencial é crucial entender os diferentes tipos existentes, afinal, cada um possui um cuidado específico de exigência. Confira!

Repaginada

A repaginada trata-se de um modelo de reforma simples e rápida, que consiste em fazer somente pequenas alterações estéticas para atualizar o ambiente. No geral, os resultados desse tipo de reforma podem ser alcançados através da pintura, de modificação na disposição ou troca completa dos móveis, além de outros tipos de mudança que não vão envolver alterações funcionais do espaço.

Além disso, devido a sua característica mais enxuta, não é necessário sair da casa para fazer a repaginada em algum ambiente. Como esse tipo de reforma não envolve grandes mudanças, é necessário ter apenas criatividade e boa vontade para imaginar o novo cenário e realizar as alterações de acordo com o planejado.

Reforma pequena

A reforma de casa considerada pequena é aquela em que apenas uma área específica demanda reparos. Ela pode ser associada a alteração da finalidade dos cômodos, ampliação de espaços, troca de peças, entre outros.

Normalmente, durante uma reforma pequena, é necessário que os moradores saiam da área a ser reformada e que uma equipe qualificada de trabalhadores seja contratada. Dependendo do tipo de alteração da reforma, é interessante contar com o auxílio de um profissional experiente na área para cuidar da documentação e gerenciar os processos que envolvem a reforma.

Reforma estrutural

As reformas estruturais tratam-se daquelas que são mais complexas e podem ser divididas em dois tipos:


  1. Aqueles que envolvem demolição de partes da construção; 
  2. Aquelas que contemplam a ampliação da construção que já existe.

Reforma residencial com demolição

Trata-se de uma reforma mais elaborada, consiste na diminuição da metragem da área construída. Dessa forma, é necessário contratar um engenheiro civil para que ele faça o acompanhamento de todo o processo da reforma, sobretudo porque é preciso fazer uma avaliação de viabilidade estrutural da residência.

Durante a demolição, recomenda-se que a residência seja desocupada para evitar acidentes, afinal, esta não é uma reforma pequena, e dependendo da organização dos moradores, pode colocar em risco a estrutura do imóvel. Além disso, também é crucial lidar com algumas documentações que são exigidas pela prefeitura, e a falta de acompanhamento neste sentido pode causar mais gastos com multas, além de tempo para resolver burocracias. 

Reforma residencial com ampliação

Este tipo de reforma consiste em aumentar a área já construída agregando novos espaços. As adições podem ser de três tipos:

  • nova área sem conexão com a área já construída;
  • anexo adjacente à construção, entretanto sem ligação com a estrutura já construída;
  • a ampliação é na construção e interfere na estrutura.

Em todos os casos apresentados acima é necessário contratar um profissional responsável para, primeiramente, providenciar um laudo técnico sobre a estrutura da residência. Se for indicado dar continuidade com a adição da nova área, ele fará o projeto de ampliação e i´ra providenciar a documentação necessária na prefeitura. Quando a ampliação dos cômodos interferir na estrutura, o indicado é esvaziar a casa — por outro lado, nos outros casos, não é necessário.

Porém, se você deseja descobrir qual o tipo de reforma irá se encaixar nas suas necessidades, faça uma lista das mudanças que pretende realizar. Tendo o checklist em mãos, analise de acordo com os modelos expostos neste conteúdo. Assim, você saberá por onde começar e como se preparar para o início da sua reforma.

Características + Tipos de Reforma - UP Consórcios

Por que o Consórcio de Reforma é uma boa alternativa? 

O consórcio de reforma é uma modalidade de crédito que, a partir da formação de grupos e do pagamento de parcelas mensais, permite o acesso ao recurso necessário para a conquista do objetivo. Ele pode ser utilizado para a contratação de serviços ou para a compra de bens, de acordo com as condições previstas em contrato.

A carta de crédito é liberada por meio de sorteios mensais, até que todos os consorciados sejam contemplados. Mas quem tem pressa pode ofertar um lance para adiantar a contemplação e começar logo a reforma. O número de contemplações varia de acordo com o saldo arrecadado com o pagamento das parcelas.

Se tratando de consórcio para reforma, é necessário fazer parte de um grupo de consórcio de serviços. Esta é uma modalidade que ainda não é amplamente conhecida, mas sempre que alguém descobre as possibilidades dele, fica surpreso e interessado.

No consórcio para reforma, a administradora fica responsável por gerenciar um grupo de pessoas. Em resumo, cada consorciado tem o dever de realizar o pagamento mensal da parcela. O valor da mensalidade do consórcio irá variar conforme o preço do serviço escolhido, assim como de acordo com o tempo planejado para o pagamento. Em geral, a duração de um consórcio de serviços se estende até no máximo 4 anos, lembrando que, quanto maior o prazo, menor a parcela.

Além disso, é válido ressaltar que, assim como todo consórcio, você pode ser contemplado tanto no começo do ciclo de pagamento, como no término das suas parcelas. De qualquer maneira, existe outra forma de ser contemplado: ofertar um lance para aumentar suas chances contemplação. Você pode adiantar a sua contemplação e garantir a contratação do serviço desejado no momento planejado.

A grande vantagem ao contratar um consórcio para reforma é o não pagamento de juros e o poder de barganha na compra à vista. Ou seja, você acaba economizando de duas formas! Mas vamos ressaltar também o fato de dormir tranquilo sabendo que tem uma parcela mensal para pagar e isso é tudo! Ao invés do empréstimo com o banco + os cheques do pedreiro + os 10 diferentes parcelamentos do cartão de crédito de cada visita ao depósito de materiais de construção + os cheques do arquiteto!

Aqui no UP Consórcios você não paga taxa alguma até a contemplação, ou seja: o momento que pode realizar o objetivo. Entre em contato conosco, vamos ser parceiros! 

Últimas Postagens

5 Curiosidades sobre o Consórcio de Moto

As motocicletas são muito úteis, especialmente em grandes cidades com tráfego intenso. Dá uma olhada nesse conteúdo que preparamos para você sobre consórcio!

Comprar imóvel na planta é rentável?

A preocupação das pessoas ao comprarem imóveis na planta é o risco envolvido. Afinal, ele não foi construído! Leia o conteúdo completo e tire suas dúvidas.

Consórcio Imobiliário x Financiamento: qual é melhor?

Está querendo comprar um imóvel, porém ainda tem dúvida entre consórcio imobiliário x financiamento? Acesse nosso conteúdo completo e tire suas dúvidas agora!

Comprar automóvel usado: cuidados e benefícios

Comprar automóvel usado pode custar significativamente menos do que um carro novo. Além disso, você pode ganhar mais! Saiba sobre os cuidados e benefícios!

Consórcio de imóvel na planta: como funciona?

Comprar imóvel na planta exige muito cuidado e atenção para evitar maus negócios. Há muitos detalhes para analisar e estudar. Acesse o conteúdo para saber mais!

Motivos para comprar apartamento decorado

Se optar por comprar um apartamento mobiliado, verá que não faltam vantagens! É hora de conferir algumas dicas de como escolher o melhor perfil para você!
Facebook - UP Consórcios - O Melhor Consórcio de Automóveis
Instagram - UP Consórcios - O Melhor Consórcio de Automóveis
Twitter - UP Consórcios - O Melhor Consórcio de Automóveis
Linkedin - UP Consórcios - O Melhor Consórcio de Automóveis
Youtube - UP Consórcios - O Melhor Consórcio de Automóveis
Deezer - UP Consórcios - O Melhor Consórcio de Automóveis
Spotify - UP Consórcios - O Melhor Consórcio de Automóveis