Voltar
12/2020

Consórcio é um investimento ou não?

A primeira coisa a ser considerada é que, do ponto de vista financeiro, uma pessoa não é diferente de um negócio. Ou seja, todos temos ativos, sobretudo no mundo moderno: casa, carro, roupas, laptop, além de ações e temos passivos: cartões de crédito, financiamento da casa própria, financiamento de veículos e seguros de vida.

Para determinar o valor ou a riqueza de uma pessoa, como se faz com uma empresa, devemos subtrair os passivos dos ativos. Na medida em que nossos passivos são menores do que os nossos ativos, a nossa riqueza será positiva, caso contrário, como é o que acontece com as empresas, iremos à falência.

O conceito de investimento pessoal torna-se assim muito relevante, pois cada indivíduo deve planejar com antecedência a fonte de riqueza que lhe dará a possibilidade de atingir esses objetivos. Ou seja, é através de investimentos que se consegue aumentar o patrimônio e, consequentemente os rendimentos para servir às necessidades futuras. Diante de tudo isso, aqui neste conteúdo vamos esclarecer se consórcio entra na categoria de investimento ou não. 


Leia também: Por que o Consórcio Digital é uma excelente opção para você que quer investir

Consórcio é um investimento ou não?

Antes de responder essa pergunta. Precisamos falar sobre o que é um investimento financeiro. Trata-se dos ativos que nos permitem aumentar a nossa riqueza. Para tornar isso possível, devemos estabelecer uma estratégia para a criação da riqueza.

Isso significa projetar nossa receita e despesa no futuro e determinar como podemos mantê-las. A partir dessa ação,é possível começar a investir para alcançar nossos objetivos. Para isso, um planejamento financeiro é essencial. 

Qual a importância de investir

Estamos bastante familiarizados com o conceito de trabalhar pelo dinheiro. Investir permite que se vire o jogo, fazendo o dinheiro trabalhar para melhorar a nossa renda. A partir dos juros compostos, por exemplo, é possível ter rentabilidade e usufruir disso.

A consequência é que o seu investimento inicial pode se multiplicar consideravelmente ao longo do tempo. Por exemplo, quando se aplica R$1.000 a uma taxa de juros de 7 por cento compostos por ano, o seu investimento irá crescer para R$7,612.26 após 30 anos.

Alguns investimentos podem cumprir mais de uma finalidade financeira e servir como um recurso de muito valor. Por exemplo, quando se compra um imóvel, pode se produzir um lucro considerável com o recebimento de aluguel ou com a venda dele.

Afinal, o que é um consórcio?

No consórcio um grupo de pessoas com o mesmo objetivo - a compra de uma casa, um carro ou a contratação de um serviço - se reúne, fazendo o pagamento de parcelas mensais. Com o valor arrecadado temos as contemplações, que é o momento em que o dinheiro fica disponível para realização do objetivo. A contemplação acontece por sorteio ou por lance. Os sorteios são geralmente feitos pela loteria federal mas, em alguns casos, por globo esférico em assembléia presencial ou on-line.

Os grupos de consórcio são administrados por empresas que cobram uma taxa de administração para cobrir os custos de gestão. A administradora de consórcio permite a segurança do parcelamento do bem de modo que a soma das parcelas permita que todos no grupo tenham a certeza da realização dos objetivos.

Consórcio pode ser considerado um investimento?

Um consórcio pode ser descrito como uma maneira programada de economizar dinheiro. Uma poupança turbinada. Sendo assim, o consórcio pode ser considerado uma forma de investimento.


Investimento, de acordo com o dicionário:

1.

ato ou efeito de investir(-se).

2.

aplicação de recursos, tempo, esforço etc. a fim de se obter algo.

"seu maior i. tem sido em si próprio e em seu talento"

A partir da definição da palavra, consórcio já é sim um investimento. Na linguagem de educação financeira, definimos investimento como: dinheiro + tempo = investimento.


Diante de tudo isso, consórcio já pode ser considerado investimento. Mas vamos te mostrar que é mais que isso:


Um motorista de táxi pode utilizar o consórcio para alavancar um investimento e, através do pagamento de um consórcio, manter o seu patrimônio atualizado, ou seja, ter um carro novo sempre a sua disposição e assim evitar gastos excessivos com manutenção.

Um empresário que planeja a aquisição de um novo terreno ou novo imóvel para a ampliação de sua empresa pode utilizar do consórcio para conquistar determinado objetivo. Assim como qualquer um pode contratar o consórcio de imóvel e adquirir imóveis com o mesmo aumento seu patrimônio, comercializando os imóveis e ou locando os mesmos com a ideia de um passivo futuro referente aos aluguéis.

Outro ponto a ser destacado é que, historicamente o consórcio tem ajudado milhões de brasileiro a perder o medo de investir e, sem investimento, é mais difícil alcançar os nossos objetivos.

Até aqui entendemos que o consórcio é uma ferramenta para te ajudar a investir. Mas não é só isso. O consórcio por si só pode te trazer rendimentos. O que poucos sabem é que o sistema, de diversas formas pode trazer excelente rentabilidade.


Segue alguns exemplos:


- O cliente que paga até o final sem usufruir da contemplação, tem o valor de crédito atualizado, considerando INCC e IPCA, o que entrega um crédito maior que os valores pagos ao longo do plano.


- A compra de um bom imóvel, sem o pagamento de juros e com poder de compra à vista traz excelentes oportunidades de ganhos. Isso graças ao aluguel de uma sala comercial por exemplo ou mesmo considerando a valorização do imóvel.


- A carta contemplada, porém não utilizada, fica em um fundo de investimento de curto prazo, oferecendo rendimentos mensais. A grande sacada aqui é que o consorciado tem rendimentos sobre o crédito contratado, ou seja, se ele foi contemplado em uma carta de 200 mil, por exemplo, e pagou apenas 40 mil reais, ainda assim os rendimentos são sobre o crédito disponível. Imagine retirar aqueles 40 mil investidos em um fundo, usar como lance em uma carta de 200 mil e passar a receber rendimentos sobre os 200 mil? Ainda acha que consórcio não é investimento?

Fica a dica: Quanto mais jovem você começar o processo investimento, maior os objetivos que podem ser atendidos no futuro.


TESTE DO TEMPO


“João” , a partir dos 25 anos

de idade, guardou R$ 200,00

mensais e parou de contribuir

aos 35 anos, deixando o

dinheiro aplicado até os 65

anos (totalizando 10 anos de

contribuição mensal).


“Vera” iniciou suas

contribuições aos 35 anos

de idade, também com R$

200,00 mensais, e parou

de contribuir aos 65 anos

(contribuindo, portanto,

durante 30 anos).


*Taxa de juros de 1% ao mês.


João R$ 1.629.961,68 - ganho financeiro

R$ 24.000 – contribuições

Total: R$ 1.653.961,68


Vera R$ 626.992,83 - ganho financeiro

R$ 72.000 - 3 X mais contribuições

Total: R$ 698.992,83

UP Consórcios, consórcio digital para suas conquistas

UP Consórcios  surge para desmistificar os questionamentos sobre o modelo tradicional de consórcio e possibilitar uma modalidade de crédito justa e acessível. Trata-se de um consórcio digital feito para você realizar aquilo que sempre esteve em seus planos e criar memórias inesquecíveis. 

Além disso, você pode acompanhar as assembleias on-line, não é perfeito? 

O sorteio do UP Consórcios é feito pela Loteria Federal e determina mensalmente as cotas contempladas nos grupos em andamento. No UP Consórcios  você encontra as menores parcelas do mercado. Simule, compare e compre. Totalmente sem juros, sem taxas de adesão e sem fundo reserva. 

Acredite: somos os únicos a cobrar taxa de administração somente depois da contemplação. 

Com o UP Consórcio você tem acesso a planos de até 40 meses, para consórcio de serviços, 180 meses para imóveis e 80 meses para automóveis. Concretize agora o que sempre quis alcançar. Entre em contato conosco, estamos ansiosos por sua parceria!

Até a próxima!

Simule seu consórcio agora mesmo!

Simule agora

Outras matérias relacionadas

12/2020

Como funciona o processo de Descontemplação da carta de crédito

Existe a opção de descontemplação de crédito? Sim, existe. E te explicamos como funciona.

12/2020

Principais vantagens do Consórcio x Financiamento

Não sabe como conquistar seu objetivo? Acompanhe este artigo e saiba quais as principais vantagens do Consórcio x Financiamento!

12/2020

Por que Escolher o Consórcio de Imóvel?

Apesar da constante mudança, alguns sonhos permanecem, como o da casa própria. Acesse e saiba por que escolher o Consórcio de Imóvel!

Consórcio é um investimento ou não?

Consórcio é um investimento ou não?

Para determinar o valor ou a riqueza de uma pessoa, como se faz com uma empresa, devemos subtrair os passivos dos ativos. Na medida em que nossos passivos são menores do que os nossos ativos, a nossa riqueza será positiva, caso contrário, como é o que acontece com as empresas, iremos à falência.

O conceito de investimento pessoal torna-se assim muito relevante, pois cada indivíduo deve planejar com antecedência a fonte de riqueza que lhe dará a possibilidade de atingir esses objetivos. Ou seja, é através de investimentos que se consegue aumentar o patrimônio e, consequentemente os rendimentos para servir às necessidades futuras. Diante de tudo isso, aqui neste conteúdo vamos esclarecer se consórcio entra na categoria de investimento ou não. 


Leia também: Por que o Consórcio Digital é uma excelente opção para você que quer investir

Consórcio é um investimento ou não?

Antes de responder essa pergunta. Precisamos falar sobre o que é um investimento financeiro. Trata-se dos ativos que nos permitem aumentar a nossa riqueza. Para tornar isso possível, devemos estabelecer uma estratégia para a criação da riqueza.

Isso significa projetar nossa receita e despesa no futuro e determinar como podemos mantê-las. A partir dessa ação,é possível começar a investir para alcançar nossos objetivos. Para isso, um planejamento financeiro é essencial. 

Qual a importância de investir

Estamos bastante familiarizados com o conceito de trabalhar pelo dinheiro. Investir permite que se vire o jogo, fazendo o dinheiro trabalhar para melhorar a nossa renda. A partir dos juros compostos, por exemplo, é possível ter rentabilidade e usufruir disso.

A consequência é que o seu investimento inicial pode se multiplicar consideravelmente ao longo do tempo. Por exemplo, quando se aplica R$1.000 a uma taxa de juros de 7 por cento compostos por ano, o seu investimento irá crescer para R$7,612.26 após 30 anos.

Alguns investimentos podem cumprir mais de uma finalidade financeira e servir como um recurso de muito valor. Por exemplo, quando se compra um imóvel, pode se produzir um lucro considerável com o recebimento de aluguel ou com a venda dele.

Afinal, o que é um consórcio?

No consórcio um grupo de pessoas com o mesmo objetivo - a compra de uma casa, um carro ou a contratação de um serviço - se reúne, fazendo o pagamento de parcelas mensais. Com o valor arrecadado temos as contemplações, que é o momento em que o dinheiro fica disponível para realização do objetivo. A contemplação acontece por sorteio ou por lance. Os sorteios são geralmente feitos pela loteria federal mas, em alguns casos, por globo esférico em assembléia presencial ou on-line.

Os grupos de consórcio são administrados por empresas que cobram uma taxa de administração para cobrir os custos de gestão. A administradora de consórcio permite a segurança do parcelamento do bem de modo que a soma das parcelas permita que todos no grupo tenham a certeza da realização dos objetivos.

Consórcio pode ser considerado um investimento?

Um consórcio pode ser descrito como uma maneira programada de economizar dinheiro. Uma poupança turbinada. Sendo assim, o consórcio pode ser considerado uma forma de investimento.


Investimento, de acordo com o dicionário:

1.

ato ou efeito de investir(-se).

2.

aplicação de recursos, tempo, esforço etc. a fim de se obter algo.

"seu maior i. tem sido em si próprio e em seu talento"

A partir da definição da palavra, consórcio já é sim um investimento. Na linguagem de educação financeira, definimos investimento como: dinheiro + tempo = investimento.


Diante de tudo isso, consórcio já pode ser considerado investimento. Mas vamos te mostrar que é mais que isso:


Um motorista de táxi pode utilizar o consórcio para alavancar um investimento e, através do pagamento de um consórcio, manter o seu patrimônio atualizado, ou seja, ter um carro novo sempre a sua disposição e assim evitar gastos excessivos com manutenção.

Um empresário que planeja a aquisição de um novo terreno ou novo imóvel para a ampliação de sua empresa pode utilizar do consórcio para conquistar determinado objetivo. Assim como qualquer um pode contratar o consórcio de imóvel e adquirir imóveis com o mesmo aumento seu patrimônio, comercializando os imóveis e ou locando os mesmos com a ideia de um passivo futuro referente aos aluguéis.

Outro ponto a ser destacado é que, historicamente o consórcio tem ajudado milhões de brasileiro a perder o medo de investir e, sem investimento, é mais difícil alcançar os nossos objetivos.

Até aqui entendemos que o consórcio é uma ferramenta para te ajudar a investir. Mas não é só isso. O consórcio por si só pode te trazer rendimentos. O que poucos sabem é que o sistema, de diversas formas pode trazer excelente rentabilidade.


Segue alguns exemplos:


- O cliente que paga até o final sem usufruir da contemplação, tem o valor de crédito atualizado, considerando INCC e IPCA, o que entrega um crédito maior que os valores pagos ao longo do plano.


- A compra de um bom imóvel, sem o pagamento de juros e com poder de compra à vista traz excelentes oportunidades de ganhos. Isso graças ao aluguel de uma sala comercial por exemplo ou mesmo considerando a valorização do imóvel.


- A carta contemplada, porém não utilizada, fica em um fundo de investimento de curto prazo, oferecendo rendimentos mensais. A grande sacada aqui é que o consorciado tem rendimentos sobre o crédito contratado, ou seja, se ele foi contemplado em uma carta de 200 mil, por exemplo, e pagou apenas 40 mil reais, ainda assim os rendimentos são sobre o crédito disponível. Imagine retirar aqueles 40 mil investidos em um fundo, usar como lance em uma carta de 200 mil e passar a receber rendimentos sobre os 200 mil? Ainda acha que consórcio não é investimento?

Fica a dica: Quanto mais jovem você começar o processo investimento, maior os objetivos que podem ser atendidos no futuro.


TESTE DO TEMPO


“João” , a partir dos 25 anos

de idade, guardou R$ 200,00

mensais e parou de contribuir

aos 35 anos, deixando o

dinheiro aplicado até os 65

anos (totalizando 10 anos de

contribuição mensal).


“Vera” iniciou suas

contribuições aos 35 anos

de idade, também com R$

200,00 mensais, e parou

de contribuir aos 65 anos

(contribuindo, portanto,

durante 30 anos).


*Taxa de juros de 1% ao mês.


João R$ 1.629.961,68 - ganho financeiro

R$ 24.000 – contribuições

Total: R$ 1.653.961,68


Vera R$ 626.992,83 - ganho financeiro

R$ 72.000 - 3 X mais contribuições

Total: R$ 698.992,83

UP Consórcios, consórcio digital para suas conquistas

UP Consórcios  surge para desmistificar os questionamentos sobre o modelo tradicional de consórcio e possibilitar uma modalidade de crédito justa e acessível. Trata-se de um consórcio digital feito para você realizar aquilo que sempre esteve em seus planos e criar memórias inesquecíveis. 

Além disso, você pode acompanhar as assembleias on-line, não é perfeito? 

O sorteio do UP Consórcios é feito pela Loteria Federal e determina mensalmente as cotas contempladas nos grupos em andamento. No UP Consórcios  você encontra as menores parcelas do mercado. Simule, compare e compre. Totalmente sem juros, sem taxas de adesão e sem fundo reserva. 

Acredite: somos os únicos a cobrar taxa de administração somente depois da contemplação. 

Com o UP Consórcio você tem acesso a planos de até 40 meses, para consórcio de serviços, 180 meses para imóveis e 80 meses para automóveis. Concretize agora o que sempre quis alcançar. Entre em contato conosco, estamos ansiosos por sua parceria!

Até a próxima!

Últimas Postagens

Qual é a importância do Consórcio na Crise Econômica?

O momento não tá fácil, por isso te mostraremos a importância do consórcio na crise econômica.

Conheça os melhores carros populares do momento!

Saibas quais são os carros populares do momento. Com certeza você gostaria de ter um desses.

Como comprar imóvel na praia (sem entrada e juros!!!)

Está pensando em comprar um imóvel na praia? Maravilha! A gente te conta como fazer.

Como funciona o consórcio de equipamentos?

Você sabe para que serve o consórcio de equipamentos? Nós te contamos como funciona.

Como funciona um plano de aposentadoria através do consórcio

Entenda como funciona um plano de aposentadoria através do consórcio, e fique despreocupado com o futuro.

Como funciona o consórcio náutico?

Entenda de uma vez por todas como funciona o consórcio náutico.
Próximo
1 / 69
Facebook - UP Consórcios
Instagram - UP Consórcios
Twitter - UP Consórcios
Linkedin - UP Consórcios
Youtube - UP Consórcios
Deezer - UP Consórcios
Spotify - UP Consórcios