Voltar
03/2020

Consórcio de Dinheiro: o que é e como funciona

Se alguém tentar vender um consórcio de dinheiro, fuja dessa emboscada na mesma hora. Saiba mais!

Quer um conselho de amiga? 

Se alguém tentar vender um consórcio de dinheiro, fuja dessa emboscada na mesma hora!!!


Esse tipo de negócio é proibido pelo Banco Central e, portanto, não pode existir no Brasil. Isso acontece porque a regra do consórcio é clara: quando você é contemplado, deve usar esse valor para comprar um bem ou pagar por um serviço. Ou seja, se alguém prometer o pagamento da carta de crédito em dinheiro na contemplação, o seu DEVER é desconfiar.

Existem casos que a expressãoconsórcio de dinheiro pode estar relacionada ao direito que o consorciado tem de receber na própria conta o valor da carta de crédito integral, mas isso só acontece ao final do consórcio, isto é, até 6 meses depois que você quitou o pagamento de todas as suas parcelas.

Ou no caso de transferência patrimonial, onde um imóvel da pessoa jurídica, por exemplo, passa para um dos sócios Pessoa Física. Ou o contrário e, assim o dinheiro pode ser reinvestido.


Leia também: 10 coisas para comprar com consórcio

Quando você pode pedir um consórcio de dinheiro

Quem escolhe entrar em um consórcio para comprar um bem ou pagar por um serviço pode mudar de ideia e pedir o dinheiro quando for contemplado. Nesse caso, você pode optar por vender sua carta contemplada, mas atenção: O UP Consórcios é o único consórcio do Brasil que oferece a recompra garantida. 

Se você desiste de comprar o bem ou o serviço, mas ainda não foi contemplado ou está pagando as prestações, o prazo para receber o dinheiro é maior: somente no final do consórcio, mais especificamente seis meses após a assembleia em que o último consorciado for contemplado.

Outro conselho de amiga: saiba que o crédito só será liberado se você já quitou todas as parcelas com o grupo.

Quero sair do consórcio. Posso pegar o dinheiro de volta?

A resposta é...Sim!


Você vai continuar concorrendo por sorteio às contemplações, porém não para receber o crédito total, mas para receber os valores pagos até o cancelamento. Cada Administradora tem suas regras de multas contratuais, mas a taxa administrativa fica toda com a empresa.

O UP não cobra nenhuma taxa antes da contemplação, portanto é muito mais justo. Mas torcemos para que nenhum cliente desista, afinal, nosso principal objetivo é ajudar a pessoas a conquistarem seus objetivos. 

Quero o dinheiro do consórcio para comprar algum bem ou contratar um serviço. O que fazer? 

Outro conselho de amiga: ao invés de procurar um consórcio de dinheiro para comprar um bem ou contratar algum serviço, escolha um consórcio para exatamente o que você deseja: 


  1. consórcio de carro;
  2. consórcio de imóvel;
  3. consórcio de cirurgia plástica,
  4. consórcio de intercâmbio


 E por aí vai. No UP Consórcios você vai conquistar o que sempre quis. 

Consórcio como aplicação

O sistema de consórcio foi criado para você comprar um bem, como um carro ou uma casa. Além de utilizar para adquirir outros serviços, como viagens, procedimentos estéticos, reformas e um monte de outros serviços que você nem imagina.

Porém, se você tiver sua carta contemplada e não quiser usar de imediato, ela vai render mensalmente em um fundo de investimentos a curto prazo, o que transforma o seu crédito em uma aplicação rentável.

Faça um consórcio com o UP Consórcios!

A cada ano que passa os brasileiros têm considerado mais o consórcio para realizar a compra de um bem de alto valor. O consórcio é uma possibilidade de investir em um bem de forma parcelada. Ao contrário do que acontece com o financiamento, você não adquire o bem assim que o contrata. 

Pelo consórcio, você entra em um grupo em que vários outros consorciados investem mensalmente. Esse valor conjunto é aplicado para financiar os bens escolhidos. 

A empresa de consórcio fica responsável pela formação, administração e entrega das cartas de crédito, que corresponde ao valor total do bem escolhido. Essas entregas são feitas nas assembleias, via sorteio ou lance.


Pelo consórcio, você pode investir em:


  • Automóveis: pode ser um carro zero km ou seminovo
  • Imóveis: casa, apartamento, imóvel na planta, terrenos, empreendimento. Pode ser novo ou de um proprietário.
  • Serviços: categoria que inclui viagens, estudos, reforma, cirurgias, festas, casamento e um monte de serviços que você nem imagina


Sem juros, entrada ou parcelas intermediárias

Diferentemente do que acontece com o financiamento, o consórcio não realiza cobrança de juros. Todas as empresas de consórcio, porém, realizam a cobrança da taxa de administração, que a remunera por seus serviços de formação de grupos e entrega das cartas. Esse valor não ultrapassa 20% do total do bem.

O UP, porém, só realiza a cobrança da taxa de administração após a contemplação. Isso significa que, ao contratar uma carta de consórcio de automóveis, por exemplo, de R$ 50 mil, em 50 meses, você paga R$ 1 mil por mês. 

Ao ser sorteado nas assembleias, a taxa de administração de 0,35%, para Consórcio de Imóvel e Carro, e de 0,45% para Consórcio de Serviços é calculada sobre o valor total do crédito e aplicada somente nas parcelas cobradas após a contemplação. Caso você invista em um consórcio de imóveis, por exemplo, não precisa se preocupar com parcelas intermediárias ou em ter que pagar um alto valor de entrada - lembrando que as instituições financeiras cobram cerca de 5% de entrada para investir em uma casa ou apartamento.

Mensalidade de acordo com o seu orçamento 

A primeira etapa para contratar um consórcio é fazer uma simulação. Nela, você insere o valor total do seu bem (carta de crédito) e a quantidade de parcelas que deseja pagar.

O simulador dá total possibilidade de ajustar os valores de acordo com o seus rendimentos mensais. 

O ideal é que essa faixa não ultrapasse 30% dos rendimentos mensais, para evitar contratempos.

Organize-se para contemplação

Consórcio é a melhor forma de ter uma compra planejada. Além de participar dos sorteios realizados nas assembleias, o consorciado pode fazer a oferta de um lance para antecipar a compra de um bem.

O lance funciona da seguinte forma: você registra, antes da assembleia, um percentual do crédito. Se contemplado, os valores pagos serão usados para abater o seu saldo devedor, ou seja, o lance é um adiantamento de parcelas.

Se o seu percentual ofertado estiver entre os maiores naquele mês, você é contemplado. Mas, como o UP só realiza a cobrança da taxa de administração após a contemplação, vale a pena esperar. Afinal, o valor não é retroativo, ou seja, não se cobra taxas de parcelas que já foram quitadas.


Portanto, não perca mais tempo! Faça já uma simulação no UP e invista no seu objetivo

Simule seu consórcio agora mesmo!

Tem mais alguma dúvida sobre o assunto? Deixe seus questionamentos nos comentários! Ou entre em contato conosco

Simule seu consórcio agora mesmo!

Simule agora

Outras matérias relacionadas

05/2020

Consórcio é burocrático?

O Consórcio vem conquistando cada vez mais o coração dos brasileiros. Mas ele é burocrático? Acesse nossa postagem e saiba mais detalhes!

02/2020

Consórcio Imobiliário: Transforme o objetivo da casa própria em realidade

Conquiste sua casa própria sem pagar juros e taxas com o consórcio imobiliário.

05/2020

Tire suas dúvidas sobre o Auxílio Emergencial

Quem tem direito? Só recebe quem está no CadÚnico? Quem precisa se cadastrar no aplicativo da Caixa? Tire essas e outras dúvidas sobre o Auxílio Emergencial!

Consórcio de Dinheiro: o que é e como funciona

Consórcio de Dinheiro: o que é e como funciona

Quer um conselho de amiga? 

Se alguém tentar vender um consórcio de dinheiro, fuja dessa emboscada na mesma hora!!!


Esse tipo de negócio é proibido pelo Banco Central e, portanto, não pode existir no Brasil. Isso acontece porque a regra do consórcio é clara: quando você é contemplado, deve usar esse valor para comprar um bem ou pagar por um serviço. Ou seja, se alguém prometer o pagamento da carta de crédito em dinheiro na contemplação, o seu DEVER é desconfiar.

Existem casos que a expressãoconsórcio de dinheiro pode estar relacionada ao direito que o consorciado tem de receber na própria conta o valor da carta de crédito integral, mas isso só acontece ao final do consórcio, isto é, até 6 meses depois que você quitou o pagamento de todas as suas parcelas.

Ou no caso de transferência patrimonial, onde um imóvel da pessoa jurídica, por exemplo, passa para um dos sócios Pessoa Física. Ou o contrário e, assim o dinheiro pode ser reinvestido.


Leia também: 10 coisas para comprar com consórcio

Quando você pode pedir um consórcio de dinheiro

Quem escolhe entrar em um consórcio para comprar um bem ou pagar por um serviço pode mudar de ideia e pedir o dinheiro quando for contemplado. Nesse caso, você pode optar por vender sua carta contemplada, mas atenção: O UP Consórcios é o único consórcio do Brasil que oferece a recompra garantida. 

Se você desiste de comprar o bem ou o serviço, mas ainda não foi contemplado ou está pagando as prestações, o prazo para receber o dinheiro é maior: somente no final do consórcio, mais especificamente seis meses após a assembleia em que o último consorciado for contemplado.

Outro conselho de amiga: saiba que o crédito só será liberado se você já quitou todas as parcelas com o grupo.

Quero sair do consórcio. Posso pegar o dinheiro de volta?

A resposta é...Sim!


Você vai continuar concorrendo por sorteio às contemplações, porém não para receber o crédito total, mas para receber os valores pagos até o cancelamento. Cada Administradora tem suas regras de multas contratuais, mas a taxa administrativa fica toda com a empresa.

O UP não cobra nenhuma taxa antes da contemplação, portanto é muito mais justo. Mas torcemos para que nenhum cliente desista, afinal, nosso principal objetivo é ajudar a pessoas a conquistarem seus objetivos. 

Quero o dinheiro do consórcio para comprar algum bem ou contratar um serviço. O que fazer? 

Outro conselho de amiga: ao invés de procurar um consórcio de dinheiro para comprar um bem ou contratar algum serviço, escolha um consórcio para exatamente o que você deseja: 


  1. consórcio de carro;
  2. consórcio de imóvel;
  3. consórcio de cirurgia plástica,
  4. consórcio de intercâmbio


 E por aí vai. No UP Consórcios você vai conquistar o que sempre quis. 

Consórcio como aplicação

O sistema de consórcio foi criado para você comprar um bem, como um carro ou uma casa. Além de utilizar para adquirir outros serviços, como viagens, procedimentos estéticos, reformas e um monte de outros serviços que você nem imagina.

Porém, se você tiver sua carta contemplada e não quiser usar de imediato, ela vai render mensalmente em um fundo de investimentos a curto prazo, o que transforma o seu crédito em uma aplicação rentável.

Faça um consórcio com o UP Consórcios!

A cada ano que passa os brasileiros têm considerado mais o consórcio para realizar a compra de um bem de alto valor. O consórcio é uma possibilidade de investir em um bem de forma parcelada. Ao contrário do que acontece com o financiamento, você não adquire o bem assim que o contrata. 

Pelo consórcio, você entra em um grupo em que vários outros consorciados investem mensalmente. Esse valor conjunto é aplicado para financiar os bens escolhidos. 

A empresa de consórcio fica responsável pela formação, administração e entrega das cartas de crédito, que corresponde ao valor total do bem escolhido. Essas entregas são feitas nas assembleias, via sorteio ou lance.


Pelo consórcio, você pode investir em:


  • Automóveis: pode ser um carro zero km ou seminovo
  • Imóveis: casa, apartamento, imóvel na planta, terrenos, empreendimento. Pode ser novo ou de um proprietário.
  • Serviços: categoria que inclui viagens, estudos, reforma, cirurgias, festas, casamento e um monte de serviços que você nem imagina


Sem juros, entrada ou parcelas intermediárias

Diferentemente do que acontece com o financiamento, o consórcio não realiza cobrança de juros. Todas as empresas de consórcio, porém, realizam a cobrança da taxa de administração, que a remunera por seus serviços de formação de grupos e entrega das cartas. Esse valor não ultrapassa 20% do total do bem.

O UP, porém, só realiza a cobrança da taxa de administração após a contemplação. Isso significa que, ao contratar uma carta de consórcio de automóveis, por exemplo, de R$ 50 mil, em 50 meses, você paga R$ 1 mil por mês. 

Ao ser sorteado nas assembleias, a taxa de administração de 0,35%, para Consórcio de Imóvel e Carro, e de 0,45% para Consórcio de Serviços é calculada sobre o valor total do crédito e aplicada somente nas parcelas cobradas após a contemplação. Caso você invista em um consórcio de imóveis, por exemplo, não precisa se preocupar com parcelas intermediárias ou em ter que pagar um alto valor de entrada - lembrando que as instituições financeiras cobram cerca de 5% de entrada para investir em uma casa ou apartamento.

Mensalidade de acordo com o seu orçamento 

A primeira etapa para contratar um consórcio é fazer uma simulação. Nela, você insere o valor total do seu bem (carta de crédito) e a quantidade de parcelas que deseja pagar.

O simulador dá total possibilidade de ajustar os valores de acordo com o seus rendimentos mensais. 

O ideal é que essa faixa não ultrapasse 30% dos rendimentos mensais, para evitar contratempos.

Organize-se para contemplação

Consórcio é a melhor forma de ter uma compra planejada. Além de participar dos sorteios realizados nas assembleias, o consorciado pode fazer a oferta de um lance para antecipar a compra de um bem.

O lance funciona da seguinte forma: você registra, antes da assembleia, um percentual do crédito. Se contemplado, os valores pagos serão usados para abater o seu saldo devedor, ou seja, o lance é um adiantamento de parcelas.

Se o seu percentual ofertado estiver entre os maiores naquele mês, você é contemplado. Mas, como o UP só realiza a cobrança da taxa de administração após a contemplação, vale a pena esperar. Afinal, o valor não é retroativo, ou seja, não se cobra taxas de parcelas que já foram quitadas.


Portanto, não perca mais tempo! Faça já uma simulação no UP e invista no seu objetivo

Simule seu consórcio agora mesmo!

Tem mais alguma dúvida sobre o assunto? Deixe seus questionamentos nos comentários! Ou entre em contato conosco

Últimas Postagens

Comprar um imóvel pensando na aposentadoria é um bom negócio?

Neste artigo vamos te mostrar como investir em imóveis vale a pena e como você pode obter bom retorno com isso, garantindo sua aposentadoria. Confira!

Qual a melhor forma de pagamento de um imóvel?

Comprar um imóvel está entre nossos principais objetivos e sem dúvidas é uma etapa marcante. Acesse e saiba qual a melhor forma de pagamento de um imóvel!

Para quem pagar o valor de corretagem imobiliária?

Numa negociação do imóvel, a comissão do corretor irá variar. Você sabe para quem pagar o valor da corretagem imobiliária? Acesse nossa postagem e saiba mais!

Tire suas dúvidas sobre o Imposto de Renda

Confira nossa postagem e tire suas principais dúvidas sobre consórcio no Imposto de Renda, tanto para contribuintes contemplados ou não contemplados!

Para que serve o apartamento decorado em um empreendimento imobiliário?

Para que serve o apartamento decorado em um empreendimento imobiliário? Caso você esteja pensando em comprar um apartamento, essa postagem é para você!

O que é a corretagem imobiliária?

Escrevemos este artigo para você compreender as principais responsabilidades e deveres que envolvem a corretagem imobiliária. Acesse e confira!
Próximo
1 / 29