WhatsUP - UP Consórcios
10/2021

Educação financeira e finanças pessoais para ser contemplado rápido

Você sabe a importância da educação financeira?

Se você busca ter suas finanças em dia e uma vida mais tranquila, é fundamental conhecer esse conceito. Afinal, a partir dele, você saberá como evitar situações que podem prejudicar a sua saúde financeira.

De acordo com a Organização para Cooperação e Desenvolvimento Econômico (OCDE), o conceito de educação financeira trata-se do processo que permite melhorar a compreensão relacionada aos produtos e serviços financeiros, possibilitando que boas escolhas sejam tomadas.

A educação financeira também é capaz de torná-lo mais consciente frente às boas oportunidades e aos riscos que envolvem diferentes tipos de investimento. 

Pode-se confirmar, diante disso, que a educação financeira é a habilidade de lidar com as finanças pessoais, e também em outros aspectos da vida, de modo que os ganhos possam cobrir todos os gastos, sem comprometer sua qualidade de vida. 

Ter uma vida financeira equilibrada repercute em diversas vantagens para a vida cotidiana, e ainda mais para quem entrou num grupo de consórcio. Tornando possível ter uma vida bem educada, com um estilo de vida mais tranquilo e, consequentemente, aproveitando as chances de fazer seu dinheiro se multiplicar com segurança e praticidade.

Entenda a importância da educação financeira e finanças pessoais

Além dos benefícios mencionados, a educação financeira também pode proporcionar outra vantagem: você conseguirá lidar com seu dinheiro sem ser controlado por ele.

Através desse equilíbrio, você tem mais controle sobre as suas finanças pessoais e, por consequência, administrar melhor seu dinheiro. Dessa forma, fica mais fácil economizar dinheiro para adquirir um imóvel e sair do aluguel, ou mais do que isso: pensar numa aposentadoria programada ou em uma faculdade de excelência para seus filhos.

Quando você decide por aprender a fazer um bom planejamento financeiro, certamente, terá a chance de ter um futuro mais tranquilo e financeiramente confortável.

Ser educado financeiramente é poder honrar todos os compromissos do cotidiano (contas de luz, telefone, água, aluguel, combustível, supermercado etc). 

E, além desse básico da vida adulta, ainda ter condições de fazer atividades prazerosas com pessoas queridas, como ir ao cinema, viajar, jantar fora e curtir um happy hour com colegas de trabalho, por exemplo.

Educação financeira com consórcio

O consórcio é o tipo de modalidade que te auxilia na organização de suas finanças pessoais, afinal, é possível fazer uma compra programada, em que as parcelas pagas mensalmente são estipuladas em contrato. 

Nesse tipo de sistema, um grupo de pessoas se reúne em busca do mesmo objetivo, de modo que todos assumem o compromisso de pagar as parcelas, mensalmente, para não prejudicar os demais participantes. 

Como ser contemplado mais rápido no consórcio?

Para ser contemplado com a carta de crédito, existem dois caminhos: ser sorteado na assembleia de consórcio ou oferecer um lance para ser contemplado mais rápido. 

Em caso de contemplação por lance, o cliente tem outra vantagem: é possível optar por reduzir o valor das parcelas mensais mantendo, nesse caso, o prazo original do plano, ou ainda, reduzir o prazo da cota, optando pela quitação das parcelas finais.

Confira agora nossas dicas de educação financeira e finanças pessoais para você oferecer um lance e ser contemplado mais rápido! 

Dicas de educação financeira e finanças pessoais para ser contemplado mais rápido

Quando você passa a entender as vantagens e as dificuldades de planejar o consumo, entende também a importância do hábito de poupar como forma de melhorar e obter qualidade de vida. Dicas de educação financeira para controlar orçamento:

  • Faça anotações sobre todos os gastos e despesas diariamente; 
  • Pague as contas em dia, assim você vai se livrar de multas e juros; 
  • Evite fazer compras com esses sentimentos: estresse, ansiedade, cansaço ou com fome; 
  • Gaste somente o que ganha, mas nunca comprometa 100% da sua renda; 
  • Pesquise preços e faça as contas antes de comprar bens, sobretudo, os de alto valor, que podem desequilibrar seu orçamento a médio e longo prazo; 
  • Faça listas com todos os itens que precisa antes de comprá-los, seja no supermercado ou no shopping. Planeje, reflita e decida, afinal, é muito difícil ganhar dinheiro para gastar com produtos desnecessários; 
  • Se possível, reserve 5% da sua renda para investir em você mesmo. Sim, isso é muito importante. 

Entenda como funcionam suas finanças pessoais

Cada pessoa tem um modo próprio de consumir e organizar seu dinheiro. Enquanto alguns têm facilidade para poupar, outros cedem às compras por impulso e ficam no vermelho antes mesmo de o mês acabar. 

Para montar um bom planejamento financeiro pessoal, é necessário compreender a forma como você lida com o dinheiro e como funcionam suas finanças pessoais. Você gasta mais do que ganha? Tem reserva de emergência? Tem dívidas? Essas são questões importantes nesse momento. 

Defina seus objetivos financeiros

Após entender suas finanças, é o momento de definir seus objetivos financeiros. Nessa hora, é essencial ser realista. Não adianta estipular o objetivo de juntar 100 mil em um ano se seu salário é de 1 mil, certo? 

Procure pensar em uma meta possível de ser alcançada e desmembre o objetivo em outras de curto prazo. Se você quiser formar uma reserva de emergência de 1,2 mil ao final de um ano, comece com a meta de juntar 100 reais por mês.

Anote suas receitas e despesas

Anotar e acompanhar, mensalmente, suas receitas e despesas são outras dicas fundamentais para o planejamento financeiro. Quando você sabe quanto ganha, quanto gasta e, principalmente, onde gasta, consegue saber onde é possível e preciso cortar despesas, além de identificar potenciais de economia.

Compare preços antes de comprar

Comparar preços antes de fazer uma compra evita que você desperdice dinheiro pagando mais caro por um item, além de evitar as aquisições por impulso. Com a Internet, a tarefa fica muito mais fácil. 

Basta pesquisar o produto ou serviço que deseja comprar e comparar os melhores preços disponíveis. Atente-se, também, à reputação da loja. Afinal, não adianta pagar mais barato e comprar em uma empresa que não é confiável.

Aprenda a poupar dinheiro

O processo de aprendizagem para poupar dinheiro inicia-se ao ter em mente um objetivo muito simples: você precisa gastar menos do que ganha. Pode parecer óbvio, mas muitos não conseguem atingir esse objetivo dentro de um planejamento financeiro e se perdem. 

Resultado: ficam sempre no vermelho e precisam recorrer a empréstimos e afins para cobrir os rombos na conta. Aprender a poupar dinheiro exige avaliar as despesas de maneira objetiva, ter metas realistas e, em especial, determinação e persistência para mudar hábitos e economizar um pouco a cada mês até atingir seus objetivos financeiros.

Aprenda a investir dinheiro

Depois de aprender a poupar o seu dinheiro, é o momento de saber como investir o que sobrou. Primeiro, entenda o seu perfil de investidor (conservador, ousado, moderado) e a quantia que tem disponível para investimento. 

Alinhe essas informações com seus objetivos financeiros e busque investimentos que sejam adequados à sua própria equação. Quem quer ter dinheiro para a aposentadoria pode preferir investimentos de longo prazo. Quem tem pavor de perder dinheiro (eu mesma) pode não se dar bem em um investimento mais arriscado como o mercado de ações, por exemplo.

Para concluir, consórcio é um investimento mais que seguro, do tipo ideal para quem não tem disciplina na hora de economizar. Além disso, é perfeito para quem tem um bom capital em mãos e busca aumentar seu patrimônio a baixo custo. 

Com o UP Consórcios, é possível adquirir bens (carros e imóveis) e serviços (festas, viagens, cursos, reformas, estética, entre outros), com planos que cabem no seu bolso. 

A fintech é administrada pela Embracon, que é fiscalizada e regulamentada pelo Banco Central. Simule, compare e compre


Outras matérias relacionadas

07/2021

Benefícios do intercâmbio: Confira 4 bons motivos

Realizar um intercâmbio garante benefícios, no âmbito pessoal e profissional.

07/2021

Quanto custa um consórcio de moto?

Está contando as moedas para poder comprar sua moto? Te contamos quanto custa um consórcio de moto com parcelas que cabem no seu bolso.

07/2021

Transferência de consórcio: Entenda como funciona

Pode ocorrer que em algum momento, alguém queira ou precise transferir o consórcio para outra pessoa. Saiba como funciona a Transferência de Consórcio!

Educação financeira e finanças pessoais para ser contemplado rápido

Educação financeira e finanças pessoais para ser contemplado rápido

Você sabe a importância da educação financeira?

Se você busca ter suas finanças em dia e uma vida mais tranquila, é fundamental conhecer esse conceito. Afinal, a partir dele, você saberá como evitar situações que podem prejudicar a sua saúde financeira.

De acordo com a Organização para Cooperação e Desenvolvimento Econômico (OCDE), o conceito de educação financeira trata-se do processo que permite melhorar a compreensão relacionada aos produtos e serviços financeiros, possibilitando que boas escolhas sejam tomadas.

A educação financeira também é capaz de torná-lo mais consciente frente às boas oportunidades e aos riscos que envolvem diferentes tipos de investimento. 

Pode-se confirmar, diante disso, que a educação financeira é a habilidade de lidar com as finanças pessoais, e também em outros aspectos da vida, de modo que os ganhos possam cobrir todos os gastos, sem comprometer sua qualidade de vida. 

Ter uma vida financeira equilibrada repercute em diversas vantagens para a vida cotidiana, e ainda mais para quem entrou num grupo de consórcio. Tornando possível ter uma vida bem educada, com um estilo de vida mais tranquilo e, consequentemente, aproveitando as chances de fazer seu dinheiro se multiplicar com segurança e praticidade.

Entenda a importância da educação financeira e finanças pessoais

Além dos benefícios mencionados, a educação financeira também pode proporcionar outra vantagem: você conseguirá lidar com seu dinheiro sem ser controlado por ele.

Através desse equilíbrio, você tem mais controle sobre as suas finanças pessoais e, por consequência, administrar melhor seu dinheiro. Dessa forma, fica mais fácil economizar dinheiro para adquirir um imóvel e sair do aluguel, ou mais do que isso: pensar numa aposentadoria programada ou em uma faculdade de excelência para seus filhos.

Quando você decide por aprender a fazer um bom planejamento financeiro, certamente, terá a chance de ter um futuro mais tranquilo e financeiramente confortável.

Ser educado financeiramente é poder honrar todos os compromissos do cotidiano (contas de luz, telefone, água, aluguel, combustível, supermercado etc). 

E, além desse básico da vida adulta, ainda ter condições de fazer atividades prazerosas com pessoas queridas, como ir ao cinema, viajar, jantar fora e curtir um happy hour com colegas de trabalho, por exemplo.

Educação financeira com consórcio

O consórcio é o tipo de modalidade que te auxilia na organização de suas finanças pessoais, afinal, é possível fazer uma compra programada, em que as parcelas pagas mensalmente são estipuladas em contrato. 

Nesse tipo de sistema, um grupo de pessoas se reúne em busca do mesmo objetivo, de modo que todos assumem o compromisso de pagar as parcelas, mensalmente, para não prejudicar os demais participantes. 

Como ser contemplado mais rápido no consórcio?

Para ser contemplado com a carta de crédito, existem dois caminhos: ser sorteado na assembleia de consórcio ou oferecer um lance para ser contemplado mais rápido. 

Em caso de contemplação por lance, o cliente tem outra vantagem: é possível optar por reduzir o valor das parcelas mensais mantendo, nesse caso, o prazo original do plano, ou ainda, reduzir o prazo da cota, optando pela quitação das parcelas finais.

Confira agora nossas dicas de educação financeira e finanças pessoais para você oferecer um lance e ser contemplado mais rápido! 

Dicas de educação financeira e finanças pessoais para ser contemplado mais rápido

Quando você passa a entender as vantagens e as dificuldades de planejar o consumo, entende também a importância do hábito de poupar como forma de melhorar e obter qualidade de vida. Dicas de educação financeira para controlar orçamento:

  • Faça anotações sobre todos os gastos e despesas diariamente; 
  • Pague as contas em dia, assim você vai se livrar de multas e juros; 
  • Evite fazer compras com esses sentimentos: estresse, ansiedade, cansaço ou com fome; 
  • Gaste somente o que ganha, mas nunca comprometa 100% da sua renda; 
  • Pesquise preços e faça as contas antes de comprar bens, sobretudo, os de alto valor, que podem desequilibrar seu orçamento a médio e longo prazo; 
  • Faça listas com todos os itens que precisa antes de comprá-los, seja no supermercado ou no shopping. Planeje, reflita e decida, afinal, é muito difícil ganhar dinheiro para gastar com produtos desnecessários; 
  • Se possível, reserve 5% da sua renda para investir em você mesmo. Sim, isso é muito importante. 

Entenda como funcionam suas finanças pessoais

Cada pessoa tem um modo próprio de consumir e organizar seu dinheiro. Enquanto alguns têm facilidade para poupar, outros cedem às compras por impulso e ficam no vermelho antes mesmo de o mês acabar. 

Para montar um bom planejamento financeiro pessoal, é necessário compreender a forma como você lida com o dinheiro e como funcionam suas finanças pessoais. Você gasta mais do que ganha? Tem reserva de emergência? Tem dívidas? Essas são questões importantes nesse momento. 

Defina seus objetivos financeiros

Após entender suas finanças, é o momento de definir seus objetivos financeiros. Nessa hora, é essencial ser realista. Não adianta estipular o objetivo de juntar 100 mil em um ano se seu salário é de 1 mil, certo? 

Procure pensar em uma meta possível de ser alcançada e desmembre o objetivo em outras de curto prazo. Se você quiser formar uma reserva de emergência de 1,2 mil ao final de um ano, comece com a meta de juntar 100 reais por mês.

Anote suas receitas e despesas

Anotar e acompanhar, mensalmente, suas receitas e despesas são outras dicas fundamentais para o planejamento financeiro. Quando você sabe quanto ganha, quanto gasta e, principalmente, onde gasta, consegue saber onde é possível e preciso cortar despesas, além de identificar potenciais de economia.

Compare preços antes de comprar

Comparar preços antes de fazer uma compra evita que você desperdice dinheiro pagando mais caro por um item, além de evitar as aquisições por impulso. Com a Internet, a tarefa fica muito mais fácil. 

Basta pesquisar o produto ou serviço que deseja comprar e comparar os melhores preços disponíveis. Atente-se, também, à reputação da loja. Afinal, não adianta pagar mais barato e comprar em uma empresa que não é confiável.

Aprenda a poupar dinheiro

O processo de aprendizagem para poupar dinheiro inicia-se ao ter em mente um objetivo muito simples: você precisa gastar menos do que ganha. Pode parecer óbvio, mas muitos não conseguem atingir esse objetivo dentro de um planejamento financeiro e se perdem. 

Resultado: ficam sempre no vermelho e precisam recorrer a empréstimos e afins para cobrir os rombos na conta. Aprender a poupar dinheiro exige avaliar as despesas de maneira objetiva, ter metas realistas e, em especial, determinação e persistência para mudar hábitos e economizar um pouco a cada mês até atingir seus objetivos financeiros.

Aprenda a investir dinheiro

Depois de aprender a poupar o seu dinheiro, é o momento de saber como investir o que sobrou. Primeiro, entenda o seu perfil de investidor (conservador, ousado, moderado) e a quantia que tem disponível para investimento. 

Alinhe essas informações com seus objetivos financeiros e busque investimentos que sejam adequados à sua própria equação. Quem quer ter dinheiro para a aposentadoria pode preferir investimentos de longo prazo. Quem tem pavor de perder dinheiro (eu mesma) pode não se dar bem em um investimento mais arriscado como o mercado de ações, por exemplo.

Para concluir, consórcio é um investimento mais que seguro, do tipo ideal para quem não tem disciplina na hora de economizar. Além disso, é perfeito para quem tem um bom capital em mãos e busca aumentar seu patrimônio a baixo custo. 

Com o UP Consórcios, é possível adquirir bens (carros e imóveis) e serviços (festas, viagens, cursos, reformas, estética, entre outros), com planos que cabem no seu bolso. 

A fintech é administrada pela Embracon, que é fiscalizada e regulamentada pelo Banco Central. Simule, compare e compre


Últimas Postagens

Por que investir no Consórcio Imobiliário em 2022?

O consórcio imobiliário pode cumprir o papel de ser a ponte para o sucesso na vida daqueles que querem alcançar grandes conquistas. Leia este artigo e confira.

Saiba como o consórcio te ajuda a ter sucesso profissional

Ter sucesso profissional, nos tempos atuais, talvez carregue valores diferentes dos nossos pais. Fazer um intercâmbio, é muito mais fácil nos dias de hoje.

Dicas para planejar a melhor viagem de final de ano em família

O momento de planejar a melhor viagem cria expectativa grande para as férias e com isso para o tão esperado descanso, diversão e muito mais. Vamos te ajudar!

Como evitar contas atrasadas? - UP Consórcios

Você sabe como evitar contas atrasadas? Preparamos este artigo para te dizer que é possível evitar que as dívidas virem uma bola de neve. Confira!

O que é um investimento? Dicas para investir com consórcio!

Compreender o que é um investimento é fundamental para alcançar todos seus objetivos. Neste artigo daremos dicas para investir com consórcio. Confira!

10 razões para simular consórcio de imóvel

O consórcio é uma opção para todas as pessoas que querem adquirir um bem sem comprometer as finanças. Saiba como simular consórcio de imóvel.
Facebook - UP Consórcios
Instagram - UP Consórcios
Twitter - UP Consórcios
Linkedin - UP Consórcios
Youtube - UP Consórcios
Deezer - UP Consórcios
Spotify - UP Consórcios