Voltar
05/2021

Ouça o #Podcast que vai mudar a relação que você tem com dinheiro (para melhor, claro!)

Pega seu lápis que a gente vai começar e vai ser com tudo. Foi com essa frase que começamos o primeiro episódio do #Podcast na Ponta do Lápis: Seja a mudança que você quer ver nessa conta, do UP. 

Antes de tudo, entendemos que não é um hábito do brasileiro aprender educação financeira desde a infância. Mas já ouviu o ditado ‘’Antes tarde do que mais tarde?’’, essa é a hora, meus amigos! É hora de se diferenciar e ousar nas economias para alcançar grandes conquistas. 

Importância da educação financeira em tempos de crise

Quando falamos que o brasileiro não aprende desde criança a importância da educação financeira, não queremos ofender a nação, tem a ver com cultura, hábitos e história. 

Se você escolheu a mudança, o primeiro passo para organizar sua vida financeira e conquistar mais qualidade de vida é definir e controlar todos os gastos, lembre-se sempre de considerar aqui a renda mensal. Nada de gastar mais do que tem, combinado?

Para isso dar certo (sim, tudo é passo a passo), é necessário elaborar o orçamento doméstico (anotação ou planilhas para controle). 

Feito isso, é hora de analisar seu orçamento financeiro. Através do orçamento como ferramenta será possível compreender os próprios hábitos de consumo, avaliar suas necessidades e desejos, ao mesmo tempo que os efeitos de suas escolhas e como elas afetam a qualidade de vida no presente e no futuro. 

Entendendo, assim, a vida cotidiana das pessoas que compõem seu núcleo familiar e seu contexto habitual e recursos financeiros, ou se você é solteiro e está nessa jornada solo, desenvolver a consciência individual, será certo ter escolhas cada vez mais conscientes.

Quando você passa a entender as vantagens e as dificuldades de planejar o consumo, entende também a importância do hábito de poupar como forma de melhorar e obter qualidade de vida. Dicas de educação financeira para controlar orçamento:

  • Faça anotações sobre todos os gastos e despesas diariamente; 
  • Evite emitir cheques pré-datados; 
  • Pague as contas em dia, assim você vai se livrar de multas e juros; 
  • Evite fazer compras quando estiver estressado, ansioso, cansado ou com fome; 
  • Gaste somente o que ganha. Entretanto, nunca comprometa 100% da sua renda; 
  • Pesquise preços e faça as contas antes de comprar bens, sobretudo os de alto valor, que podem desequilibrar seu orçamento a médio e longo prazo; 
  • Faça listas com todos os itens que precisa antes de comprá-los, seja no supermercado ou no shopping. Planeje, reflita e decida, afinal, é muito difícil ganhar dinheiro para gastar com produtos desnecessários.; 
  • Se possível, reserve 5% da sua renda para investir em você mesmo. Sim. Isso é muito importante. 
ouca-o-podcast-que-vai-mudar-a-relacao-que-voce-tem-com-dinheiro-para-melhor

Planejamento financeiro: só para ressaltar mais um pouquinho

Pensar em uma organização financeira agrega muito mais valor a sua vida pessoal. Sejamos sinceros, do tipo que joga na cara mesmo: os tempos não estão fáceis, mas as conquistas não podem parar, certo? 

Para isso, é fundamental ter um planejamento financeiro, afinal, nada como um conjunto de ações positivas com o objetivo de alcançar uma conquista! É a partir de estratégias para cumprir seus objetivos e compromissos que você ficará livre de estresses e muito mais aliviado das dívidas. 

O principal obstáculo nas finanças pessoais, principalmente para os jovens, é compreender como o próprio dinheiro é gasto. E é justamente por isso que é essencial estimar o volume de receitas, despesas e gastos. Combinando planejamento e organização financeira é possível acompanhar, de maneira clara, o movimento de suas receitas e despesas. 

Faça uma reflexão: Estou gastando mais do que recebo? Quais são os meus gastos mensais? Quais são meus objetivos com meu dinheiro? 

Entre outras várias perguntas para si, conversar consigo mesmo é o caminho certo para uma organização financeira que ninguém vai botar defeito (muito menos seus pais). 

O consórcio permite que você faça investimento a partir de um planejamento consistente, respeitando todos os desafios financeiros em meio a crise econômica

Poupar ou investir dinheiro?

A educação financeira tem sido vista como um dos pilares mais relevantes para a realização de qualquer projeto, seja familiar, seja pessoal. Agora respondendo a pergunta: Hum… os dois, poupar e investir. 

Diante desse cenário, em que a educação financeira se coloca com grande importância, as adesões aos consórcios crescem cada vez mais. Isso não ocorre por acaso. O consórcio possibilita a formação de poupança com os valores que serão destinados para as parcelas todos os meses.
Ou seja: propícia ao investidor a programação da compra de um bem com mais segurança e garantia. Além disso, tem sempre o objetivo de concretizar aquele plano que sempre esteve ali, ou de ampliar o seu patrimônio empresarial ou pessoal.
Então, nada melhor para educar a disciplina financeira do que investir o seu dinheiro mensalmente, certo?

Ouça o #Podcast na Ponta do Lápis: Seja a mudança que você quer ver nessa conta

Tomar conhecimento sobre finanças é outro importante passo a ser dado para ter uma boa relação com o dinheiro. Por isso, aproveite para ouvir não apenas um, mas todos os episódios do nosso #Podcast. O UP apoia suas conquistas!



Simule seu consórcio agora mesmo!

Simule agora

Outras matérias relacionadas

05/2021

Consórcio ou Financiamento: Qual a melhor opção?

Consórcio ou Financiamento: Qual a Melhor Opção? Acesse e confira os diferenciais que o UP Consórcios têm para te ajudar a conquistar seus objetivos!

05/2021

Faça um consórcio de carro e fique livre de financiamento!

Evite as altas taxas do financiamento! Conheça as vantagens de fazer um Consórcio com o UP sem taxas são cobradas após a contemplação, além de ser 100% digital!

05/2021

Como conseguir carta de crédito para comprar apartamento

Não é novidade para ninguém que a conquista da casa própria é um dos maiores objetivos de vida. Saiba como conseguir carta de crédito para comprar apartamento!

Ouça o #Podcast que vai mudar a relação que você tem com dinheiro (para melhor, claro!)

Ouça o #Podcast que vai mudar a relação que você tem com dinheiro (para melhor, claro!)

Pega seu lápis que a gente vai começar e vai ser com tudo. Foi com essa frase que começamos o primeiro episódio do #Podcast na Ponta do Lápis: Seja a mudança que você quer ver nessa conta, do UP. 

Antes de tudo, entendemos que não é um hábito do brasileiro aprender educação financeira desde a infância. Mas já ouviu o ditado ‘’Antes tarde do que mais tarde?’’, essa é a hora, meus amigos! É hora de se diferenciar e ousar nas economias para alcançar grandes conquistas. 

Importância da educação financeira em tempos de crise

Quando falamos que o brasileiro não aprende desde criança a importância da educação financeira, não queremos ofender a nação, tem a ver com cultura, hábitos e história. 

Se você escolheu a mudança, o primeiro passo para organizar sua vida financeira e conquistar mais qualidade de vida é definir e controlar todos os gastos, lembre-se sempre de considerar aqui a renda mensal. Nada de gastar mais do que tem, combinado?

Para isso dar certo (sim, tudo é passo a passo), é necessário elaborar o orçamento doméstico (anotação ou planilhas para controle). 

Feito isso, é hora de analisar seu orçamento financeiro. Através do orçamento como ferramenta será possível compreender os próprios hábitos de consumo, avaliar suas necessidades e desejos, ao mesmo tempo que os efeitos de suas escolhas e como elas afetam a qualidade de vida no presente e no futuro. 

Entendendo, assim, a vida cotidiana das pessoas que compõem seu núcleo familiar e seu contexto habitual e recursos financeiros, ou se você é solteiro e está nessa jornada solo, desenvolver a consciência individual, será certo ter escolhas cada vez mais conscientes.

Quando você passa a entender as vantagens e as dificuldades de planejar o consumo, entende também a importância do hábito de poupar como forma de melhorar e obter qualidade de vida. Dicas de educação financeira para controlar orçamento:

  • Faça anotações sobre todos os gastos e despesas diariamente; 
  • Evite emitir cheques pré-datados; 
  • Pague as contas em dia, assim você vai se livrar de multas e juros; 
  • Evite fazer compras quando estiver estressado, ansioso, cansado ou com fome; 
  • Gaste somente o que ganha. Entretanto, nunca comprometa 100% da sua renda; 
  • Pesquise preços e faça as contas antes de comprar bens, sobretudo os de alto valor, que podem desequilibrar seu orçamento a médio e longo prazo; 
  • Faça listas com todos os itens que precisa antes de comprá-los, seja no supermercado ou no shopping. Planeje, reflita e decida, afinal, é muito difícil ganhar dinheiro para gastar com produtos desnecessários.; 
  • Se possível, reserve 5% da sua renda para investir em você mesmo. Sim. Isso é muito importante. 
ouca-o-podcast-que-vai-mudar-a-relacao-que-voce-tem-com-dinheiro-para-melhor

Planejamento financeiro: só para ressaltar mais um pouquinho

Pensar em uma organização financeira agrega muito mais valor a sua vida pessoal. Sejamos sinceros, do tipo que joga na cara mesmo: os tempos não estão fáceis, mas as conquistas não podem parar, certo? 

Para isso, é fundamental ter um planejamento financeiro, afinal, nada como um conjunto de ações positivas com o objetivo de alcançar uma conquista! É a partir de estratégias para cumprir seus objetivos e compromissos que você ficará livre de estresses e muito mais aliviado das dívidas. 

O principal obstáculo nas finanças pessoais, principalmente para os jovens, é compreender como o próprio dinheiro é gasto. E é justamente por isso que é essencial estimar o volume de receitas, despesas e gastos. Combinando planejamento e organização financeira é possível acompanhar, de maneira clara, o movimento de suas receitas e despesas. 

Faça uma reflexão: Estou gastando mais do que recebo? Quais são os meus gastos mensais? Quais são meus objetivos com meu dinheiro? 

Entre outras várias perguntas para si, conversar consigo mesmo é o caminho certo para uma organização financeira que ninguém vai botar defeito (muito menos seus pais). 

O consórcio permite que você faça investimento a partir de um planejamento consistente, respeitando todos os desafios financeiros em meio a crise econômica

Poupar ou investir dinheiro?

A educação financeira tem sido vista como um dos pilares mais relevantes para a realização de qualquer projeto, seja familiar, seja pessoal. Agora respondendo a pergunta: Hum… os dois, poupar e investir. 

Diante desse cenário, em que a educação financeira se coloca com grande importância, as adesões aos consórcios crescem cada vez mais. Isso não ocorre por acaso. O consórcio possibilita a formação de poupança com os valores que serão destinados para as parcelas todos os meses.
Ou seja: propícia ao investidor a programação da compra de um bem com mais segurança e garantia. Além disso, tem sempre o objetivo de concretizar aquele plano que sempre esteve ali, ou de ampliar o seu patrimônio empresarial ou pessoal.
Então, nada melhor para educar a disciplina financeira do que investir o seu dinheiro mensalmente, certo?

Ouça o #Podcast na Ponta do Lápis: Seja a mudança que você quer ver nessa conta

Tomar conhecimento sobre finanças é outro importante passo a ser dado para ter uma boa relação com o dinheiro. Por isso, aproveite para ouvir não apenas um, mas todos os episódios do nosso #Podcast. O UP apoia suas conquistas!



Últimas Postagens

Consórcio de veículos em crescimento no Brasil

Se você quer fazer um comprar um carro, antes precisa entender como consórcio de veículos em crescimento no Brasil pode te ajudar.

O que acontece com o consórcio após a morte do consorciado sem seguro?

Você sabe o que acontece com o consórcio após a morte do consorciado sem seguro? É uma situação triste, mas explicamos a parte burocrática.

Investimento imobiliário em Balneário Camboriu

Saiba tudo sobre investimento imobiliário em Balneário Camboriu. Não perca mais tempo e invista na compra do seu imóvel com o UP Consórcios!

Quais as exigências para entrar no consórcio? 5 tópicos que você precisa saber

Conseguir conquistar algum bem de alto valor, como um imóvel ou um carro novo, envolve se organizar financeiramente.

Quanto custa um consórcio para comprar carro?

Diante de todas as incertezas, o consórcio para comprar carro é a melhor opção, sobretudo se comparado ao financiamento.

Como funciona a alienação de bens no consórcio de Serviços?

A segurança de investimento que o consórcio proporciona é destaque no mercado há tempos. Acompanhe este conteúdo e confira como funciona esse processo!
Próximo
1 / 94
Facebook - UP Consórcios
Instagram - UP Consórcios
Twitter - UP Consórcios
Linkedin - UP Consórcios
Youtube - UP Consórcios
Deezer - UP Consórcios
Spotify - UP Consórcios