WhatsUP - UP Consórcios
09/2021

UP! Finanças: o que são juros simples e juros compostos?

Ambos os conceitos são bastante conhecidos entre as pessoas, muito se deve ao fato desse ser um mecanismo comum ao realizar uma compra. Apesar de juros simples e compostos gerarem confusão, entender a diferença entre eles é fundamental para que você consiga planejar pagamentos e compreender o rendimento das suas aplicações.

Basicamente, os juros simples tratam-se de valores calculados sobre o valor total, sendo mais comuns em operações como empréstimo. Por outro lado, os juros compostos são calculados sobre o valor total + os juros simples cobrados sobre ele – é o que podemos chamar de juros sobre juros. Esse tipo de condição é mais comum em investimentos a longo prazo.

Principais diferenças entre juros simples e juros compostos

Basicamente, os juros, de todos os tipos, são valores que o cliente pagará a mais – ou receberá – por uma operação financeira, como um empréstimo ou aquilo que envolva algum tipo de crédito.

Por exemplo, para quem usa  cartões de crédito, existe a cobrança de juros se houver atraso no pagamento. Existem também investimentos, como o financiamento, que são um tipo de empréstimo com juros. Ao investir seu dinheiro, você o empresta para uma instituição financeira e recebe juros por isso, que são os rendimentos do investimento.

Os juros são divididos entre juros simples e compostos. Juntos, eles formam a base de todas as transações financeiras e é essencial saber o conceito de cada um deles para tomar boas decisões.

Para compreender os juros simples, é mais fácil, pois são baseados no total do valor de um empréstimo ou depósito, enquanto que os juros compostos se baseiam nesse mesmo total com o diferencial que os juros se acumulam em cada período. 

Como os juros simples são calculados apenas sobre o montante principal de um empréstimo ou depósito, é mais fácil determiná-los. Já para os juros compostos, esse processo é um pouco mais complicado.

up-financas-o-que-sao-juros-simples-e-juros-compostos

Juros simples

Normalmente, os juros simples, pagos ou recebidos durante um determinado período, são uma porcentagem fixa do valor do principal emprestado ou investido.

Para entender melhor, dois bons exemplos de empréstimos com juros simples são os empréstimos para comprar veículos e os juros devidos sobre linhas de crédito, como cartões de crédito.

Juros compostos

Os juros compostos, por outro lado, tendem a ser fatores importantes nas transações comerciais, investimentos ou produtos financeiros. Normalmente, estão relacionados a itens que se estendem por vários períodos ou anos. Eles são somados e adicionados aos juros acumulados de períodos anteriores. Na prática, os juros compostos são juros sobre juros.

Com isso, pode-se dizer que a grande diferença entre os juros simples e compostos é a influência do tempo. Olhando para a fórmula de juros compostos, nota-se que a frequência dos períodos pode ter um grande efeito sobre os ganhos ou sobre o quanto você precisará pagar em juros. Quanto mais tempo (períodos compostos), mais juros são acumulados.

Qual a melhor maneira de investir com segurança?

Se você precisa fazer uma compra parcelada, o consórcio é a melhor modalidade de compra. Para começar, o consórcio é um excelente tipo de investimento, em especial, por se tratar de uma modalidade segura e livre de burocracias. Veja alguns dos principais benefícios de entrar no consórcio:

  • Não há altas taxas de juros nem cobrança de entrada;
  • Existem chances de contemplação em sorteios mensais;
  • Permite maior planejamento financeiro;
  • Possibilita flexibilização para o uso de crédito. 

Agora, além dessas vantagens, confira outras razões que tornam o consórcio um investimento seguro: 

Crise econômica torna o consórcio mais justo para investir com segurança

Uma coisa é fato, muitas vezes, há dificuldades para obter créditos em instituições financeiras. Esse cenário, somado às altas nos juros e inflação, impulsiona o aumento na comercialização de cotas de consórcio

O cenário econômico favorece a tendência do consórcio, pois ele é mais democrático e torna possível que você adquira um imóvel, terreno, compre um carro ou contrate um serviço, sem perder dinheiro. Afinal, o poder de compra do investidor é mantido, uma vez que o valor da carta de crédito é reajustado todos os anos.

O índice de reajuste segue o que foi combinado no contrato e serve de base para as atualizações. Ou seja, enquanto o investidor não for contemplado, poderá ficar tranquilo, pois saberá que o seu poder de compra está garantido.

Custos de financiamento

O financiamento de um bem ou serviço, na prática, significa que você irá fazer o pagamento dividido em parcelas. Para isso, uma instituição financeira, normalmente bancária, fornece um valor em crédito ao consumidor com o qual ele consegue comprar determinado produto. 

E essa instituição receberá o valor de volta pago em uma quantidade de vezes prévias firmadas em contrato, sempre cobrando uma taxa de juros e IOF (Imposto sobre Operações Financeiras) sobre o valor original. 

Por essa e outras, tendo o financiamento como meio de compra, os consumidores acabam pagando mais do que o valor do bem.

Consórcio é um investimento seguro

O consórcio, assim como o financiamento, é uma forma de compra parcelada, porém não envolve custos com juros altos e IOF. Nessa modalidade de compra, é cobrada somente uma taxa de administração, contudo, os valores são menores do que os do financiamento. 

Os grupos formados por consorciados funcionam como um autofinanciamento em conjunto, em que pessoas interessadas em adquirir o mesmo tipo de bem ou serviço poupam em grupo. No consórcio, os prazos para pagamento podem ser maiores do que os oferecidos no financiamento (até 60 meses) e as parcelas com valores mais acessíveis. 

O consórcio é mais flexível

No geral, uma coisa detestável é um processo burocrático. Tô mentindo?!

Com o consórcio, não existe isso. Não há burocracia no momento da adesão. Durante o período de consórcio, você poderá até trocar de carta de crédito. Se você sentir que as parcelas pesam demais em seu orçamento, a opção é uma carta de crédito mais barata, além de também poder vendê-la para outro consorciado ou pessoa interessada.

Após ser contemplado, você escolhe o bem que quiser dentro da categoria do grupo escolhido (imóvel ou veículo), opta por um modelo mais barato ou mais caro (completando a diferença); ou compra outro tipo de veículo no lugar de um carro. Da mesma forma, com o consórcio de imóvel, é possível comprar casa, apartamento, terreno ou chácara em qualquer local que escolher. 

Quer investir com risco zero? Só aqui no UP! 

O UP Consórcios é uma fintech da Embracon que ajuda as pessoas a atingirem seus objetivos com planejamento financeiro. Mais que moderno e digital, o UP é um consórcio transparente e o único sem nenhuma taxa até a contemplação.

Investir é a melhor forma de preservar seu patrimônio e ter uma vida mais tranquila. Afinal, sabemos muito bem como é difícil relaxar completamente quando as dificuldades financeiras batem à porta.

Quer fechar a porta pros problemas financeiros? Investir em consórcio é sem erro. 

No UP Consórcios, você encontra as menores parcelas do mercado. Simule, compare e compre.




Outras matérias relacionadas

07/2021

Consórcio é burocrático?

O Consórcio vem conquistando cada vez mais o coração dos brasileiros. Mas ele é burocrático? Acesse nossa postagem e saiba mais detalhes!

07/2021

Como funciona a alienação de bens em Consórcio

A alienação de bens, enquanto garantia, surgiu em substituição ao tipo de investimento hipoteca. Acesse e saiba como funciona a alienação de bens em Consórcio!

07/2021

Comprar apartamento na cidade grande ou no interior?

A dúvida que pode permear muitas pessoas que estão em busca de comprar apartamento é: morar na cidade grande ou no interior? A gente te ajuda.

UP! Finanças: o que são juros simples e juros compostos?

UP! Finanças: o que são juros simples e juros compostos?

Ambos os conceitos são bastante conhecidos entre as pessoas, muito se deve ao fato desse ser um mecanismo comum ao realizar uma compra. Apesar de juros simples e compostos gerarem confusão, entender a diferença entre eles é fundamental para que você consiga planejar pagamentos e compreender o rendimento das suas aplicações.

Basicamente, os juros simples tratam-se de valores calculados sobre o valor total, sendo mais comuns em operações como empréstimo. Por outro lado, os juros compostos são calculados sobre o valor total + os juros simples cobrados sobre ele – é o que podemos chamar de juros sobre juros. Esse tipo de condição é mais comum em investimentos a longo prazo.

Principais diferenças entre juros simples e juros compostos

Basicamente, os juros, de todos os tipos, são valores que o cliente pagará a mais – ou receberá – por uma operação financeira, como um empréstimo ou aquilo que envolva algum tipo de crédito.

Por exemplo, para quem usa  cartões de crédito, existe a cobrança de juros se houver atraso no pagamento. Existem também investimentos, como o financiamento, que são um tipo de empréstimo com juros. Ao investir seu dinheiro, você o empresta para uma instituição financeira e recebe juros por isso, que são os rendimentos do investimento.

Os juros são divididos entre juros simples e compostos. Juntos, eles formam a base de todas as transações financeiras e é essencial saber o conceito de cada um deles para tomar boas decisões.

Para compreender os juros simples, é mais fácil, pois são baseados no total do valor de um empréstimo ou depósito, enquanto que os juros compostos se baseiam nesse mesmo total com o diferencial que os juros se acumulam em cada período. 

Como os juros simples são calculados apenas sobre o montante principal de um empréstimo ou depósito, é mais fácil determiná-los. Já para os juros compostos, esse processo é um pouco mais complicado.

up-financas-o-que-sao-juros-simples-e-juros-compostos

Juros simples

Normalmente, os juros simples, pagos ou recebidos durante um determinado período, são uma porcentagem fixa do valor do principal emprestado ou investido.

Para entender melhor, dois bons exemplos de empréstimos com juros simples são os empréstimos para comprar veículos e os juros devidos sobre linhas de crédito, como cartões de crédito.

Juros compostos

Os juros compostos, por outro lado, tendem a ser fatores importantes nas transações comerciais, investimentos ou produtos financeiros. Normalmente, estão relacionados a itens que se estendem por vários períodos ou anos. Eles são somados e adicionados aos juros acumulados de períodos anteriores. Na prática, os juros compostos são juros sobre juros.

Com isso, pode-se dizer que a grande diferença entre os juros simples e compostos é a influência do tempo. Olhando para a fórmula de juros compostos, nota-se que a frequência dos períodos pode ter um grande efeito sobre os ganhos ou sobre o quanto você precisará pagar em juros. Quanto mais tempo (períodos compostos), mais juros são acumulados.

Qual a melhor maneira de investir com segurança?

Se você precisa fazer uma compra parcelada, o consórcio é a melhor modalidade de compra. Para começar, o consórcio é um excelente tipo de investimento, em especial, por se tratar de uma modalidade segura e livre de burocracias. Veja alguns dos principais benefícios de entrar no consórcio:

  • Não há altas taxas de juros nem cobrança de entrada;
  • Existem chances de contemplação em sorteios mensais;
  • Permite maior planejamento financeiro;
  • Possibilita flexibilização para o uso de crédito. 

Agora, além dessas vantagens, confira outras razões que tornam o consórcio um investimento seguro: 

Crise econômica torna o consórcio mais justo para investir com segurança

Uma coisa é fato, muitas vezes, há dificuldades para obter créditos em instituições financeiras. Esse cenário, somado às altas nos juros e inflação, impulsiona o aumento na comercialização de cotas de consórcio

O cenário econômico favorece a tendência do consórcio, pois ele é mais democrático e torna possível que você adquira um imóvel, terreno, compre um carro ou contrate um serviço, sem perder dinheiro. Afinal, o poder de compra do investidor é mantido, uma vez que o valor da carta de crédito é reajustado todos os anos.

O índice de reajuste segue o que foi combinado no contrato e serve de base para as atualizações. Ou seja, enquanto o investidor não for contemplado, poderá ficar tranquilo, pois saberá que o seu poder de compra está garantido.

Custos de financiamento

O financiamento de um bem ou serviço, na prática, significa que você irá fazer o pagamento dividido em parcelas. Para isso, uma instituição financeira, normalmente bancária, fornece um valor em crédito ao consumidor com o qual ele consegue comprar determinado produto. 

E essa instituição receberá o valor de volta pago em uma quantidade de vezes prévias firmadas em contrato, sempre cobrando uma taxa de juros e IOF (Imposto sobre Operações Financeiras) sobre o valor original. 

Por essa e outras, tendo o financiamento como meio de compra, os consumidores acabam pagando mais do que o valor do bem.

Consórcio é um investimento seguro

O consórcio, assim como o financiamento, é uma forma de compra parcelada, porém não envolve custos com juros altos e IOF. Nessa modalidade de compra, é cobrada somente uma taxa de administração, contudo, os valores são menores do que os do financiamento. 

Os grupos formados por consorciados funcionam como um autofinanciamento em conjunto, em que pessoas interessadas em adquirir o mesmo tipo de bem ou serviço poupam em grupo. No consórcio, os prazos para pagamento podem ser maiores do que os oferecidos no financiamento (até 60 meses) e as parcelas com valores mais acessíveis. 

O consórcio é mais flexível

No geral, uma coisa detestável é um processo burocrático. Tô mentindo?!

Com o consórcio, não existe isso. Não há burocracia no momento da adesão. Durante o período de consórcio, você poderá até trocar de carta de crédito. Se você sentir que as parcelas pesam demais em seu orçamento, a opção é uma carta de crédito mais barata, além de também poder vendê-la para outro consorciado ou pessoa interessada.

Após ser contemplado, você escolhe o bem que quiser dentro da categoria do grupo escolhido (imóvel ou veículo), opta por um modelo mais barato ou mais caro (completando a diferença); ou compra outro tipo de veículo no lugar de um carro. Da mesma forma, com o consórcio de imóvel, é possível comprar casa, apartamento, terreno ou chácara em qualquer local que escolher. 

Quer investir com risco zero? Só aqui no UP! 

O UP Consórcios é uma fintech da Embracon que ajuda as pessoas a atingirem seus objetivos com planejamento financeiro. Mais que moderno e digital, o UP é um consórcio transparente e o único sem nenhuma taxa até a contemplação.

Investir é a melhor forma de preservar seu patrimônio e ter uma vida mais tranquila. Afinal, sabemos muito bem como é difícil relaxar completamente quando as dificuldades financeiras batem à porta.

Quer fechar a porta pros problemas financeiros? Investir em consórcio é sem erro. 

No UP Consórcios, você encontra as menores parcelas do mercado. Simule, compare e compre.




Últimas Postagens

Por que investir no Consórcio Imobiliário em 2022?

O consórcio imobiliário pode cumprir o papel de ser a ponte para o sucesso na vida daqueles que querem alcançar grandes conquistas. Leia este artigo e confira.

Saiba como o consórcio te ajuda a ter sucesso profissional

Ter sucesso profissional, nos tempos atuais, talvez carregue valores diferentes dos nossos pais. Fazer um intercâmbio, é muito mais fácil nos dias de hoje.

Dicas para planejar a melhor viagem de final de ano em família

O momento de planejar a melhor viagem cria expectativa grande para as férias e com isso para o tão esperado descanso, diversão e muito mais. Vamos te ajudar!

Como evitar contas atrasadas? - UP Consórcios

Você sabe como evitar contas atrasadas? Preparamos este artigo para te dizer que é possível evitar que as dívidas virem uma bola de neve. Confira!

O que é um investimento? Dicas para investir com consórcio!

Compreender o que é um investimento é fundamental para alcançar todos seus objetivos. Neste artigo daremos dicas para investir com consórcio. Confira!

10 razões para simular consórcio de imóvel

O consórcio é uma opção para todas as pessoas que querem adquirir um bem sem comprometer as finanças. Saiba como simular consórcio de imóvel.
Facebook - UP Consórcios
Instagram - UP Consórcios
Twitter - UP Consórcios
Linkedin - UP Consórcios
Youtube - UP Consórcios
Deezer - UP Consórcios
Spotify - UP Consórcios