Voltar
03/2020

Entenda porque o Consórcio Digital é Crucial para o Jovem que Planeja o Futuro

Ê, juventude. Nascer, crescer, amadurecer e descansar da vida bem vivida. Todo jovem sabe dessa ordem natural, e deve ser por isso que sejam tão apressados! Querer crescer e se tornar independente é sempre o desejo maior. Alcançar a maioridade, entrar para a faculdade e tirar a carteira de motorista. Junto com essas novas responsabilidades, que parecem preocupar os jovens cada vez mais cedo, vêm as recompensas.

E se quem casa quer casa, quem tira a habilitação quer carro, cada vez menos se espera que o papai cumpra a função de provedor. Uma pesquisa realizada pela Quorum Brasil para a Associação Brasileira de Administradoras de Consórcio (ABAC) revelou que os jovens com até 19 anos já pensam no futuro e conversam com a família sobre o assunto.

De acordo com o levantamento, 86% dos jovens entrevistados acham importante pensar no futuro, enquanto 29% poupam para comprar algo importante. E a participação desses jovens no consórcio tende a aumentar: hoje, 19% dos consorciados têm até 29 anos.

Leia também: Por que o Consórcio Digital é uma excelente opção para você que quer investir


Se você se ligou que precisa ter dinheiro sobrando no orçamento mensal, deseja fazer um investimento, adquirir ou contratar um bem ou serviço, mas não sabe muito bem por onde começar, saiba que o consórcio digital é uma das melhores opções.

Trata-se de uma modalidade de compra que auxilia milhares de brasileiros a conquistar seus objetivos com  parcelas acessíveis e sem taxas e juros abusivos. Além disso, o consórcio também se revelou como uma forma de investimento segura, acessível e com garantia de retorno.

Descubra neste artigo 4 motivos para investir em consórcio digital e fazer o seu patrimônio crescer!


Leia também: Recompra garantida após a contemplação: como funciona

Motivos porque o consórcio digital é crucial para o jovem brasileiro:

1. Sem cobrança de juros

Aqui está uma das principais vantagens do consórcio , sobretudo quando comparado a outras modalidades de crédito, como o financiamento, por exemplo. 

Nas parcelas é embutida somente uma taxa de administração, que é muito, mas muito menor do que os juros aplicados em outras modalidades de compra.

Ou seja, tudo isso indica que, se comparado a outras formas de pagamento a prazo, o valor pago ao final do período de quitação será bem mais baixo, o que aponta o consórcio como uma ótima opção de investimento em curto, médio e longo prazo.

2. Valores atualizados ao fim do consórcio

Outra vantagem importante ocorre pelo fato de que, quando um cotista não contemplado acaba de pagar o seu consórcio e está pronto para receber a sua carta de crédito, todos os valores investidos são atualizados.

O que significa que a carta de crédito recebida ao final do período de quitação leva em consideração a variação monetária e inflação sofrida em todo o período. Nesse sentido, o investidor não perde nem um centavo do seu investimento e, pelo contrário, ainda ganha com as atualizações.

3. Investimento seguro e acessível

O consórcio nada mais é do que um investimento seguro e com total garantia de retorno. Isso porque funciona como uma poupança turbinada, em que você terá recursos para obter o seu bem ou serviço, por sorteio, lance ou ao final do período do consórcio.

Mais do  que isso, ele é acessível por ter parcelas mais baixas, oferecer parcelamento flexível, e ser descomplicado, já que a burocracia aqui passa longe.

Um exemplo de investimento são os consórcios de imóveis. Se você for contemplado antes do término do consórcio, poderá alugar o imóvel e utilizar essa renda para pagar o restante do plano. Pode também investir em um imóvel com potencial para venda, garantindo seu lucro.

A questão aqui é que o consórcio é uma ótima alternativa de investimento para quem quer aplicar dinheiro em algo seguro e acessível. Trata-se de uma ferramenta ideal para quem quer fazer uma boa reserva mas ainda não tem disciplina na hora de economizar. Mas é excelente também para quem já está acostumado a poupar, mas quer conquistar seu objetivo sem ter que esperar juntar toda a grana que precisa. E melhor ainda para investidores que possuem um bom capital na mão e buscam crescimento financeiro a custos baixíssimos.

Um exemplo são os consórcios de imóveis. Se você for contemplado antes do término do consórcio, poderá alugar o imóvel e utilizar essa renda para pagar o restante do consórcio, ou até revender o imóvel adquirido com uma margem de lucratividade.

A questão aqui é que o consórcio é uma ótima alternativa de investimento para quem quer aplicar dinheiro em algo seguro e acessível.

4. Possibilidade de contemplação rápida

É quase que óbvio que o consórcio não é um investimento para quem busca retorno rápido. Entretanto, há maneiras de acelerar a contemplação, com a oferta de lances.

Nestes casos, é possível adquirir o bem consorciado de maneira rápida, aumentando seu patrimônio ou até obtendo renda e lucratividade a partir dele.

Tá vendo como tem tudo a ver com você, que quer ver resultado pra ontem?!

Conquiste o que quiser ao fazer consórcio pela UP 

Sim, o segmento cresce a cada ano. Os brasileiros tem buscado cada vez mais essa opção de crédito para comprar de forma parcelada ou investir seu dinheiro.

No consórcio, você participa de um grupo de pessoas tem tem um objetivo em comum: comprar um imóvel, um automóvel ou um serviço. O valor arrecadado mensalmente com as parcelas, será utilizado pelos consorciados contemplados na compra dos bens escolhidos.

A empresa de consórcio fica responsável pela formação, administração e entrega das cartas de crédito, que corresponde ao valor total do bem escolhido. Os contemplados, ou seja, os consorciados que poderão utilizar a carta de crédito, são definidos através de um sorteio, geralmente pela loteria federal, ou através da oferta de lances, em uma assembléia mensal.


Pelo consórcio, você pode investir em:


  • Automóveis: pode ser um carro zero km ou seminovo
  • Imóveis: casa, apartamento, imóvel na planta, terreno, construção, salas comerciais, casa de veraneio, galpões, etc
  • Serviços: categoria que inclui viagens, estudos, reforma, cirurgias, festas e outros serviços que você nem imagina.


Sem juros, entrada ou parcelas intermediárias

Diferentemente do que acontece com o financiamento, o consórcio não cobra juros. As empresas de consórcio cobram uma taxa de administração, que a remunera por seus serviços e paga os custos da operação. Esse percentual pode chegar a 30% do valor do bem em um consórcio convencional.

O UP, porém, só faz a cobrança da taxa de administração após a contemplação. Isso significa que, ao contratar uma carta de consórcio de automóveis, por exemplo, de R$ 50 mil, em 50 meses, você paga R$ 1 mil por mês até dispor do crédito para comprar o seu bem.

Ao contemplado nas assembleias, a taxa de administração vai incidir nas parcelas restantes. A taxas são: 0,35% para imóveis e automóveis e 0,45% para serviços. Usando e mesmo exemplo do auto de 50 mil em 50 meses, a parcela de R$ 1 mil será reajustada para R$ 1.175,00 a partir da contemplação, ou seja, você não paga taxa referente às parcelas antes da contemplação.

E, caso você invista em um consórcio de imóveis, por exemplo, não precisa se preocupar com parcelas intermediárias ou em ter que pagar um alto valor de entrada - lembrando que as instituições financeiras cobram no mínimo 20% de entrada para investir em uma casa ou apartamento.

Mensalidade de acordo com o seu orçamento 

A primeira etapa para contratar um consórcio é fazer uma simulação. Nela, você informa o valor total do seu bem (carta de crédito) e a quantidade de parcelas que deseja pagar.

O simulador dá total possibilidade de ajustar os valores de acordo com o seus rendimentos mensais. O ideal é que essa faixa não ultrapasse 30% dos rendimentos mensais, para que o valor encaixe de forma confortável no seu orçamento. Mas pense bem, não realizamos nada se não houver algum sacrifício.

Organize-se para contemplação

Consórcio é a melhor forma de ter uma compra planejada. Além de participar dos sorteios, o consorciado pode ofertar um lance para antecipar a compra de um bem.

O lance funciona da seguinte forma: você registra, antes da assembleia, a oferta de um valor que você pode pagar antecipadamente para ter acesso ao crédito mais rápido. Esse valor pode representar uma boa quantidade de parcelas ou completar o que falta da carta de crédito

Se o percentual ofertado por você estiver entre os maiores, você é contemplado. Mas, como o UP só realiza a cobrança da taxa de administração após a contemplação, vale a pena esperar. Afinal, o valor não é retroativo, ou seja, não se cobra taxas de parcelas que já foram quitadas.


Portanto, não perca mais tempo! Faça já uma simulação no UP e invista no seu objetivo sonho.

Simule seu consórcio agora mesmo!

Tem mais alguma dúvida sobre o assunto? Deixe seus questionamentos nos comentários! Ou entre em contato conosco

Até mais!

Simule seu consórcio agora mesmo!

Simule agora

Outras matérias relacionadas

05/2020

Fui contemplado no consórcio e agora? Passo a passo do que fazer!

Fui contemplado no consórcio e agora? Acesse nosso conteúdo e confira o passo a passo completo sobre o que fazer quando esse momento único chegar!

05/2020

Conheça as Cirurgias Plásticas mais populares

A busca por realizar um procedimento estético pode ser alcançada por você.

06/2020

Quais conhecimentos estou buscando para meu desenvolvimento profissional?

Quais conhecimentos estou buscando para meu desenvolvimento profissional? Confira nossa postagem e veja se você está buscando a coisa certa!

Entenda porque o Consórcio Digital é Crucial para o Jovem que Planeja o Futuro

Entenda porque o Consórcio Digital é Crucial para o Jovem que Planeja o Futuro

E se quem casa quer casa, quem tira a habilitação quer carro, cada vez menos se espera que o papai cumpra a função de provedor. Uma pesquisa realizada pela Quorum Brasil para a Associação Brasileira de Administradoras de Consórcio (ABAC) revelou que os jovens com até 19 anos já pensam no futuro e conversam com a família sobre o assunto.

De acordo com o levantamento, 86% dos jovens entrevistados acham importante pensar no futuro, enquanto 29% poupam para comprar algo importante. E a participação desses jovens no consórcio tende a aumentar: hoje, 19% dos consorciados têm até 29 anos.

Leia também: Por que o Consórcio Digital é uma excelente opção para você que quer investir


Se você se ligou que precisa ter dinheiro sobrando no orçamento mensal, deseja fazer um investimento, adquirir ou contratar um bem ou serviço, mas não sabe muito bem por onde começar, saiba que o consórcio digital é uma das melhores opções.

Trata-se de uma modalidade de compra que auxilia milhares de brasileiros a conquistar seus objetivos com  parcelas acessíveis e sem taxas e juros abusivos. Além disso, o consórcio também se revelou como uma forma de investimento segura, acessível e com garantia de retorno.

Descubra neste artigo 4 motivos para investir em consórcio digital e fazer o seu patrimônio crescer!


Leia também: Recompra garantida após a contemplação: como funciona

Motivos porque o consórcio digital é crucial para o jovem brasileiro:

1. Sem cobrança de juros

Aqui está uma das principais vantagens do consórcio , sobretudo quando comparado a outras modalidades de crédito, como o financiamento, por exemplo. 

Nas parcelas é embutida somente uma taxa de administração, que é muito, mas muito menor do que os juros aplicados em outras modalidades de compra.

Ou seja, tudo isso indica que, se comparado a outras formas de pagamento a prazo, o valor pago ao final do período de quitação será bem mais baixo, o que aponta o consórcio como uma ótima opção de investimento em curto, médio e longo prazo.

2. Valores atualizados ao fim do consórcio

Outra vantagem importante ocorre pelo fato de que, quando um cotista não contemplado acaba de pagar o seu consórcio e está pronto para receber a sua carta de crédito, todos os valores investidos são atualizados.

O que significa que a carta de crédito recebida ao final do período de quitação leva em consideração a variação monetária e inflação sofrida em todo o período. Nesse sentido, o investidor não perde nem um centavo do seu investimento e, pelo contrário, ainda ganha com as atualizações.

3. Investimento seguro e acessível

O consórcio nada mais é do que um investimento seguro e com total garantia de retorno. Isso porque funciona como uma poupança turbinada, em que você terá recursos para obter o seu bem ou serviço, por sorteio, lance ou ao final do período do consórcio.

Mais do  que isso, ele é acessível por ter parcelas mais baixas, oferecer parcelamento flexível, e ser descomplicado, já que a burocracia aqui passa longe.

Um exemplo de investimento são os consórcios de imóveis. Se você for contemplado antes do término do consórcio, poderá alugar o imóvel e utilizar essa renda para pagar o restante do plano. Pode também investir em um imóvel com potencial para venda, garantindo seu lucro.

A questão aqui é que o consórcio é uma ótima alternativa de investimento para quem quer aplicar dinheiro em algo seguro e acessível. Trata-se de uma ferramenta ideal para quem quer fazer uma boa reserva mas ainda não tem disciplina na hora de economizar. Mas é excelente também para quem já está acostumado a poupar, mas quer conquistar seu objetivo sem ter que esperar juntar toda a grana que precisa. E melhor ainda para investidores que possuem um bom capital na mão e buscam crescimento financeiro a custos baixíssimos.

Um exemplo são os consórcios de imóveis. Se você for contemplado antes do término do consórcio, poderá alugar o imóvel e utilizar essa renda para pagar o restante do consórcio, ou até revender o imóvel adquirido com uma margem de lucratividade.

A questão aqui é que o consórcio é uma ótima alternativa de investimento para quem quer aplicar dinheiro em algo seguro e acessível.

4. Possibilidade de contemplação rápida

É quase que óbvio que o consórcio não é um investimento para quem busca retorno rápido. Entretanto, há maneiras de acelerar a contemplação, com a oferta de lances.

Nestes casos, é possível adquirir o bem consorciado de maneira rápida, aumentando seu patrimônio ou até obtendo renda e lucratividade a partir dele.

Tá vendo como tem tudo a ver com você, que quer ver resultado pra ontem?!

Conquiste o que quiser ao fazer consórcio pela UP 

Sim, o segmento cresce a cada ano. Os brasileiros tem buscado cada vez mais essa opção de crédito para comprar de forma parcelada ou investir seu dinheiro.

No consórcio, você participa de um grupo de pessoas tem tem um objetivo em comum: comprar um imóvel, um automóvel ou um serviço. O valor arrecadado mensalmente com as parcelas, será utilizado pelos consorciados contemplados na compra dos bens escolhidos.

A empresa de consórcio fica responsável pela formação, administração e entrega das cartas de crédito, que corresponde ao valor total do bem escolhido. Os contemplados, ou seja, os consorciados que poderão utilizar a carta de crédito, são definidos através de um sorteio, geralmente pela loteria federal, ou através da oferta de lances, em uma assembléia mensal.


Pelo consórcio, você pode investir em:


  • Automóveis: pode ser um carro zero km ou seminovo
  • Imóveis: casa, apartamento, imóvel na planta, terreno, construção, salas comerciais, casa de veraneio, galpões, etc
  • Serviços: categoria que inclui viagens, estudos, reforma, cirurgias, festas e outros serviços que você nem imagina.


Sem juros, entrada ou parcelas intermediárias

Diferentemente do que acontece com o financiamento, o consórcio não cobra juros. As empresas de consórcio cobram uma taxa de administração, que a remunera por seus serviços e paga os custos da operação. Esse percentual pode chegar a 30% do valor do bem em um consórcio convencional.

O UP, porém, só faz a cobrança da taxa de administração após a contemplação. Isso significa que, ao contratar uma carta de consórcio de automóveis, por exemplo, de R$ 50 mil, em 50 meses, você paga R$ 1 mil por mês até dispor do crédito para comprar o seu bem.

Ao contemplado nas assembleias, a taxa de administração vai incidir nas parcelas restantes. A taxas são: 0,35% para imóveis e automóveis e 0,45% para serviços. Usando e mesmo exemplo do auto de 50 mil em 50 meses, a parcela de R$ 1 mil será reajustada para R$ 1.175,00 a partir da contemplação, ou seja, você não paga taxa referente às parcelas antes da contemplação.

E, caso você invista em um consórcio de imóveis, por exemplo, não precisa se preocupar com parcelas intermediárias ou em ter que pagar um alto valor de entrada - lembrando que as instituições financeiras cobram no mínimo 20% de entrada para investir em uma casa ou apartamento.

Mensalidade de acordo com o seu orçamento 

A primeira etapa para contratar um consórcio é fazer uma simulação. Nela, você informa o valor total do seu bem (carta de crédito) e a quantidade de parcelas que deseja pagar.

O simulador dá total possibilidade de ajustar os valores de acordo com o seus rendimentos mensais. O ideal é que essa faixa não ultrapasse 30% dos rendimentos mensais, para que o valor encaixe de forma confortável no seu orçamento. Mas pense bem, não realizamos nada se não houver algum sacrifício.

Organize-se para contemplação

Consórcio é a melhor forma de ter uma compra planejada. Além de participar dos sorteios, o consorciado pode ofertar um lance para antecipar a compra de um bem.

O lance funciona da seguinte forma: você registra, antes da assembleia, a oferta de um valor que você pode pagar antecipadamente para ter acesso ao crédito mais rápido. Esse valor pode representar uma boa quantidade de parcelas ou completar o que falta da carta de crédito

Se o percentual ofertado por você estiver entre os maiores, você é contemplado. Mas, como o UP só realiza a cobrança da taxa de administração após a contemplação, vale a pena esperar. Afinal, o valor não é retroativo, ou seja, não se cobra taxas de parcelas que já foram quitadas.


Portanto, não perca mais tempo! Faça já uma simulação no UP e invista no seu objetivo sonho.

Simule seu consórcio agora mesmo!

Tem mais alguma dúvida sobre o assunto? Deixe seus questionamentos nos comentários! Ou entre em contato conosco

Até mais!

Últimas Postagens

Primeiros passos para planejar uma reforma

Planejamento com cuidado é a chave para evitar dores de cabeça. Acompanhe este artigo, temos um passo-a-passo perfeito para você planejar uma reforma!

3 sinais de que está na hora de trocar de carro

Como tudo na vida ao fim, chega uma hora que não adianta mais prorrogar: é necessário trocar de carro. Acesse nossa postagem e saiba mais!

Quais as principais tendências de decoração? Apê/Casa

Existe algo muito vantajoso em acompanhar as principais tendências de decoração, como dar sentido às inovações em seus projetos. Acesse e saiba mais!

Dicas para Comprar Apartamento na Planta com Consórcio

Comprar apartamento é um dos objetivos de muitas pessoas. Acompanhe neste conteúdo dicas para comprar apartamento na planta com consórcio!

5 Hábitos da Quarentena que podem continuar após a Pandemia

Os meses passam e a quarentena no Brasil não tem previsão de término. Acesse e confira 5 Hábitos da Quarentena que podem continuar após a Pandemia!

Planejamento Financeiro: Quanto custa a sua hora?

Se você ainda não está por dentro da importância do planejamento financeiro, saiba que esta ferramenta é crucial para alcançar objetivos. Saiba mais!
Próximo
1 / 37