10/2019

Saiba como usar o consórcio de serviços

A modalidades mais versátil de consórcio permite planejar viagens, reformas, plástica, festas e, até mesmo, a realização de cursos no Brasil e no exterior.

Desde os anos 1960, muitas pessoas perceberam a vantagem de fazer um consórcio para comprar o carro dos sonhos.

Pouco tempo depois, a modalidade passou a ser regulada para atender consórcio imobiliário, facilidade que ajudou muitas pessoas a comprar terreno, imóvel na planta ou, até mesmo, uma casa já pronta com a carta de crédito.

Em 2008, o Banco Central homologou a comercialização do consórcio de serviços e, aos poucos, as administradoras passaram a incluí-los em seu portfólio.

Dessa forma, o bem já não era representado somente por algo material. Com essa modalidade, o consórcio passou a atender a realização de festas, viagens, estudos, cirurgias, reformas e até casamento.

Um levantamento de 2017 da Associação Brasileira de Administradoras de Consórcio (ABAC) mostrou que a procura por consórcio de serviços aumentou, em média, até 108% ao longo de um ano.

Trata-se de uma categoria nova, que só tem crescido a cada ano.

Com a dificuldade de liberação de crédito por parte das instituições financeiras, receosas com inadimplência e com a situação econômica do país, o consórcio de serviços não compromete limite de cartão de crédito, nem exige comprovações burocráticas para sua contratação.

Você pode, por exemplo, começar a investir em uma cota de consórcio de serviços mesmo com pendências financeiras e resolvê-las até a contemplação. É neste momento que a administradora pede documentos e comprovações de renda, para garantir que as parcelas restantes não sejam comprometidas.

Por que as pessoas escolhem consórcio de serviços

Diferentemente das outras categorias, o consórcio de serviços não compromete muito a renda mensal dos contratantes.

As cartas de crédito vão de R$ 15 mil a R$ 30 mil e podem ser divididas em até 40 meses – algo que corresponde, por exemplo, a 1/10 da carta de consórcio de imóveis, que pode ser parcelada em até 15 anos, por exemplo.

A suposta agilidade na contemplação é parte importante do consórcio de serviços. Afinal, a categoria precisa atender às necessidades dos consumidores de forma mais rápida, já que o planejamento de uma viagem, cirurgia ou até mesmo de um intercâmbio costumam ser metas a médio prazo (claro que isso não é uma regra, já que você pode planejar estudos a longo prazo, por exemplo).

Muitas pessoas acabam optando por essa modalidade para conhecer como funciona o consórcio. Não é raro que, após a experiência de ser contemplado com um serviço, em um período relativamente curto, muitos comecem a investir em cartas de automóvel e imóvel, que tem uma carta mais elevada.

O que posso fazer com o consórcio de serviços

A seguir, listamos tudo o que você pode fazer ao escolher a categoria de serviços.

1) Consórcio de reforma e decoração

A maioria das pessoas que selecionam a categoria de consórcio de serviços opta por fazer uma reforma ou decoração.

Segundo dados da ABAC, de 2018, esta é a opção de 7 em cada 10 consorciados, para se ter uma ideia.

Ela é ideal para quem quer dar uma repaginada na casa própria, ou até mesmo mobiliar um apartamento que acabou de comprar.

Sabe aquela piscina que você sempre quis? Ou a churrasqueira para deixar sua casa mais movimentada aos fins de semana? Então, a carta também pode te ajudar a dar uma nova cara ao seu lar!

Além disso, você também pode usar a carta para decorar o seu escritório, empreendimento ou até mesmo construir um novo cômodo na sua residência.

Se o valor da reforma for maior que a sua carta, não se preocupe. Para isso, você tem duas opções:

● Completar o valor com os seus próprios recursos

● Investir em mais uma cota de consórcio de serviços. Para esta opção, a soma das duas (ou mais) mensalidades não pode ultrapassar 30% dos seus rendimentos mensais.

Converse com a sua administradora para verificar como funciona a contemplação de mais de uma cota, e como fazer para contratá-la.

2) Consórcio de festas

Sim, você pode investir em um consórcio para realizar uma festa. Claro que teria que ser uma grande festa com a carta mínima de R$ 15 mil, mas quem já planejou aniversário de 15 anos ou uma congratulação empresarial importante sabe muito bem como uma carta de alto valor pode ser útil.

Você também pode usar o valor da carta para investir no seu casamento.

A grande vantagem é que, pelo consórcio, você tem poder de compra à vista ao ser contemplado ou fazer a oferta de um lance.

Isso significa que possui melhor margem de negociação na hora de escolher roupas dos noivos, bufê, decoração, entre outros (muitos) detalhes.

3) Consórcio de plástica e beleza

Também é possível se programar para fazer cirurgias por meio do consórcio.

Nesta categoria, você pode fazer plástica, rinoplastia, bariátrica, estética, entre outros tipos de cirurgia. Antes disso, consulte especialistas no ramo, para evitar qualquer problema de saúde.

Ao ser sorteado (ou der um lance) em uma carta de plástica e beleza, você indica a clínica ou profissional autorizado.

Depois de algumas comprovações, o valor integral é repassado diretamente ao profissional ou clínica. Seria como um pagamento à vista, portanto, negocie o valor antes mesmo de ser contemplado.

Mas, se a carta tiver um valor superior ao valor da cirurgia, não se preocupe: você pode usar o restante para quitar as parcelas restantes do consórcio ou pagar por serviços complementares, como drenagem linfática.

4) Consórcio de educação

Uma das maiores preocupações dos pais em relação aos filhos é como investir em sua educação.

Seja ao ingressar em um colégio particular ou em uma universidade no futuro, o consórcio de educação é a melhor forma de preparar seus filhos para um estudo promissor.

As instituições de ensino costumam dar bons descontos para quem vai pagar à vista. Isso significa que, ao utilizar a carta de crédito para este fim, você já garante uma boa economia!

Na verdade, o consórcio de educação é uma ótima oportunidade de investimento, já que funciona como poupança forçada. Você pode começar a investir quando o filho é ainda criança ou quando já estiver no ensino médio – afinal, quatro anos é tempo hábil para você começar a pagar o consórcio e já ser contemplado.

Ah, além de investir em instituições de ensino, você também pode preparar o intercâmbio por essa modalidade – seja para impulsionar seus estudos ou o do seu filho, por exemplo.

Para programas mais longos, considere a possibilidade de mais de uma cota de consórcio de serviços: dessa forma, você consegue concentrar seus esforços para a viagem enquanto paga as mensalidades.

5) Consórcio de viagem

Quem não tem o sonho de visitar um lugar paradisíaco: a beleza da França? A tradição da Itália? Os safáris da África do Sul?

Viagens, principalmente internacionais, têm um custo elevado. Por isso, você também pode investir em um consórcio para as próximas férias, feriado prolongado ou até mesmo organizar um período sabático.

Além dos custos das passagens, o consórcio de viagem cobre hospedagem, passeios turísticos e alguns custos intermediários.

Antes de selecionar o valor da carta, converse com as agências de viagem, faça comparações dos serviços que elas oferecem e leia atentamente os regulamentos.

Depois de contemplado, você indica a agência que selecionou e fica à vontade para curtir do jeito que achar melhor: sozinho, com a família ou até mesmo a dois.

Afinal, você também pode recorrer a esta opção para organizar a lua de mel dos seus sonhos com aquela paisagem que sempre sonhou!

Contemplação do consórcio de serviços

Assim como ocorre com as modalidades de automóvel e imóvel, no consórcio de serviços só existem duas formas de ser contemplado: pelo sorteio ou por lance.

Quando você começa a investir em uma cota de crédito, participa de assembleias mensais, que fazem um sorteio da carta com os integrantes do grupo.

Mas, se não quiser depender do sorteio para ter a carta de crédito em mãos, pode realizar a oferta de um lance.

Você registra o valor que pagaria pela carta até um dia antes da realização da assembleia. Se o seu lance for o maior daquela assembleia, você fica com a carta de crédito e faz o débito do valor para a administradora.

Mas, se alguém oferecer um valor superior, não se preocupe: você não precisa fazer nenhuma transferência de valor se não for contemplado e pode fazer a oferta em outro momento, se preferir.

Diferencial do UP para consórcio de serviços

Se você ainda tem dúvidas sobre como funciona o UP Consórcios, vamos recapitular.

Antes de tudo, é preciso entrar no site e fazer a simulação em uma das categorias de serviço mencionadas. Selecione o valor da carta de crédito (de R$ 15 mil a R$ 30 mil) e o total de parcelas.

Depois disso, o sistema mostrará o valor da mensalidade antes da contemplação e o valor que ficaria após a contemplação.

O UP faz essa distinção porque, diferente das demais empresas de consórcio, só realiza a cobrança da taxa de administração após a contemplação.

A taxa de administração é um percentual que remunera as empresas de consórcio pela criação e administração dos grupos, além do sorteio dos bens e da entrega da carta de crédito.

Algumas empresas também cobram fundo de reserva, para se proteger ante possíveis inadimplências de consorciados. O UP, porém, não cobra essa taxa.

Taxa de administração x juros

Por mais que as parcelas tenham o acréscimo da taxa de administração, qualquer compra feita por meio do consórcio sai muito mais em conta comparada ao financiamento.

Isso porque as instituições financeiras indexam o valor dos juros ao número de mensalidades. Por exemplo, quanto mais você parcela um bem, mais juros você paga. Essa é uma medida dessas instituições para evitar prejuízos com a inadimplência.

Por isso mesmo, muitas delas exigem que se dê um valor de entrada – pelo menos 10% do total do bem.

Já a taxa de administração do consórcio é fixada logo de cara. Assim que você conclui a simulação pelo site, já fica ciente do quanto deve pagar pela mensalidade.

Com a taxa de administração, há um acréscimo de 0,45% do valor total do serviço após a contemplação.

Por exemplo, se você selecionar uma carta de crédito de R$ 30 mil para qualquer um dos serviços mencionados, em 30 mensalidades, começa pagando R$ 1 mil. Após ser contemplado, o UP acrescenta 0,45% de taxa de administração. Assim, o valor da mensalidade fica R$ 1.145.

Portanto, quanto mais você postergar a entrega da carta pelo UP, melhor, já que vai pagar menos mensalidades com o acréscimo da taxa.

Consórcio tem reajuste?

Sim, a administradora faz um reajuste anual nas mensalidades do consórcio. Ele acompanha os índices inflacionários de forma proporcional ao que você investiu na carta.

Por exemplo, se você começar a pagar mais na cota após um ano de contratação, esse acréscimo também impacta o valor da carta de crédito.

Em um período de inflação com 5%, a sua carta de crédito também incorpora esse percentual. Isso significa que a sua carta não desvaloriza, mesmo que o poder de compra seja afetado no período em que estiver pagando as mensalidades do consórcio.

Contrate já o UP e invista no consórcio de serviços

Toda a simulação do valor da carta de crédito, número de parcelas e escolha do bem pode ser feita no UP de forma digital. Afinal, o UP é o que há de mais inovador em consórcio.

Para fechar o contrato, um especialista do UP liga para você assim que concluir a simulação. Aproveite este momento para tirar dúvidas sobre como funciona a carta de crédito, como ela é repassada após a contemplação, entre outras dúvidas.

Você também pode conversar pelo chat diretamente em nosso site, para que comece a investir seguramente em sua cota.

Faça já uma simulação no UP e receba mais conteúdo sobre tudo que envolve consórcio de serviços inscrevendo-se em nossa newsletter.

Simule seu consórcio agora mesmo!

Simule agora

Outras matérias relacionadas

10/2019

Viagem de carro: 3 lugares para conhecer

Saiba como se programar para realizar uma longa viagem de carro.

10/2019

Dá para saber quando ser contemplado no consórcio?

A contemplação ocorre por meio do sorteio, realizado pela Loteria Federal.

10/2019

Parcelar ou pagar à vista: qual a melhor opção?

Descubra quando escolher cada opção com base na necessidade e poder de crédito.

Saiba como usar o consórcio de serviços

Saiba como usar o consórcio de serviços

Desde os anos 1960, muitas pessoas perceberam a vantagem de fazer um consórcio para comprar o carro dos sonhos.

Pouco tempo depois, a modalidade passou a ser regulada para atender consórcio imobiliário, facilidade que ajudou muitas pessoas a comprar terreno, imóvel na planta ou, até mesmo, uma casa já pronta com a carta de crédito.

Em 2008, o Banco Central homologou a comercialização do consórcio de serviços e, aos poucos, as administradoras passaram a incluí-los em seu portfólio.

Dessa forma, o bem já não era representado somente por algo material. Com essa modalidade, o consórcio passou a atender a realização de festas, viagens, estudos, cirurgias, reformas e até casamento.

Um levantamento de 2017 da Associação Brasileira de Administradoras de Consórcio (ABAC) mostrou que a procura por consórcio de serviços aumentou, em média, até 108% ao longo de um ano.

Trata-se de uma categoria nova, que só tem crescido a cada ano.

Com a dificuldade de liberação de crédito por parte das instituições financeiras, receosas com inadimplência e com a situação econômica do país, o consórcio de serviços não compromete limite de cartão de crédito, nem exige comprovações burocráticas para sua contratação.

Você pode, por exemplo, começar a investir em uma cota de consórcio de serviços mesmo com pendências financeiras e resolvê-las até a contemplação. É neste momento que a administradora pede documentos e comprovações de renda, para garantir que as parcelas restantes não sejam comprometidas.

Por que as pessoas escolhem consórcio de serviços

Diferentemente das outras categorias, o consórcio de serviços não compromete muito a renda mensal dos contratantes.

As cartas de crédito vão de R$ 15 mil a R$ 30 mil e podem ser divididas em até 40 meses – algo que corresponde, por exemplo, a 1/10 da carta de consórcio de imóveis, que pode ser parcelada em até 15 anos, por exemplo.

A suposta agilidade na contemplação é parte importante do consórcio de serviços. Afinal, a categoria precisa atender às necessidades dos consumidores de forma mais rápida, já que o planejamento de uma viagem, cirurgia ou até mesmo de um intercâmbio costumam ser metas a médio prazo (claro que isso não é uma regra, já que você pode planejar estudos a longo prazo, por exemplo).

Muitas pessoas acabam optando por essa modalidade para conhecer como funciona o consórcio. Não é raro que, após a experiência de ser contemplado com um serviço, em um período relativamente curto, muitos comecem a investir em cartas de automóvel e imóvel, que tem uma carta mais elevada.

O que posso fazer com o consórcio de serviços

A seguir, listamos tudo o que você pode fazer ao escolher a categoria de serviços.

1) Consórcio de reforma e decoração

A maioria das pessoas que selecionam a categoria de consórcio de serviços opta por fazer uma reforma ou decoração.

Segundo dados da ABAC, de 2018, esta é a opção de 7 em cada 10 consorciados, para se ter uma ideia.

Ela é ideal para quem quer dar uma repaginada na casa própria, ou até mesmo mobiliar um apartamento que acabou de comprar.

Sabe aquela piscina que você sempre quis? Ou a churrasqueira para deixar sua casa mais movimentada aos fins de semana? Então, a carta também pode te ajudar a dar uma nova cara ao seu lar!

Além disso, você também pode usar a carta para decorar o seu escritório, empreendimento ou até mesmo construir um novo cômodo na sua residência.

Se o valor da reforma for maior que a sua carta, não se preocupe. Para isso, você tem duas opções:

● Completar o valor com os seus próprios recursos

● Investir em mais uma cota de consórcio de serviços. Para esta opção, a soma das duas (ou mais) mensalidades não pode ultrapassar 30% dos seus rendimentos mensais.

Converse com a sua administradora para verificar como funciona a contemplação de mais de uma cota, e como fazer para contratá-la.

2) Consórcio de festas

Sim, você pode investir em um consórcio para realizar uma festa. Claro que teria que ser uma grande festa com a carta mínima de R$ 15 mil, mas quem já planejou aniversário de 15 anos ou uma congratulação empresarial importante sabe muito bem como uma carta de alto valor pode ser útil.

Você também pode usar o valor da carta para investir no seu casamento.

A grande vantagem é que, pelo consórcio, você tem poder de compra à vista ao ser contemplado ou fazer a oferta de um lance.

Isso significa que possui melhor margem de negociação na hora de escolher roupas dos noivos, bufê, decoração, entre outros (muitos) detalhes.

3) Consórcio de plástica e beleza

Também é possível se programar para fazer cirurgias por meio do consórcio.

Nesta categoria, você pode fazer plástica, rinoplastia, bariátrica, estética, entre outros tipos de cirurgia. Antes disso, consulte especialistas no ramo, para evitar qualquer problema de saúde.

Ao ser sorteado (ou der um lance) em uma carta de plástica e beleza, você indica a clínica ou profissional autorizado.

Depois de algumas comprovações, o valor integral é repassado diretamente ao profissional ou clínica. Seria como um pagamento à vista, portanto, negocie o valor antes mesmo de ser contemplado.

Mas, se a carta tiver um valor superior ao valor da cirurgia, não se preocupe: você pode usar o restante para quitar as parcelas restantes do consórcio ou pagar por serviços complementares, como drenagem linfática.

4) Consórcio de educação

Uma das maiores preocupações dos pais em relação aos filhos é como investir em sua educação.

Seja ao ingressar em um colégio particular ou em uma universidade no futuro, o consórcio de educação é a melhor forma de preparar seus filhos para um estudo promissor.

As instituições de ensino costumam dar bons descontos para quem vai pagar à vista. Isso significa que, ao utilizar a carta de crédito para este fim, você já garante uma boa economia!

Na verdade, o consórcio de educação é uma ótima oportunidade de investimento, já que funciona como poupança forçada. Você pode começar a investir quando o filho é ainda criança ou quando já estiver no ensino médio – afinal, quatro anos é tempo hábil para você começar a pagar o consórcio e já ser contemplado.

Ah, além de investir em instituições de ensino, você também pode preparar o intercâmbio por essa modalidade – seja para impulsionar seus estudos ou o do seu filho, por exemplo.

Para programas mais longos, considere a possibilidade de mais de uma cota de consórcio de serviços: dessa forma, você consegue concentrar seus esforços para a viagem enquanto paga as mensalidades.

5) Consórcio de viagem

Quem não tem o sonho de visitar um lugar paradisíaco: a beleza da França? A tradição da Itália? Os safáris da África do Sul?

Viagens, principalmente internacionais, têm um custo elevado. Por isso, você também pode investir em um consórcio para as próximas férias, feriado prolongado ou até mesmo organizar um período sabático.

Além dos custos das passagens, o consórcio de viagem cobre hospedagem, passeios turísticos e alguns custos intermediários.

Antes de selecionar o valor da carta, converse com as agências de viagem, faça comparações dos serviços que elas oferecem e leia atentamente os regulamentos.

Depois de contemplado, você indica a agência que selecionou e fica à vontade para curtir do jeito que achar melhor: sozinho, com a família ou até mesmo a dois.

Afinal, você também pode recorrer a esta opção para organizar a lua de mel dos seus sonhos com aquela paisagem que sempre sonhou!

Contemplação do consórcio de serviços

Assim como ocorre com as modalidades de automóvel e imóvel, no consórcio de serviços só existem duas formas de ser contemplado: pelo sorteio ou por lance.

Quando você começa a investir em uma cota de crédito, participa de assembleias mensais, que fazem um sorteio da carta com os integrantes do grupo.

Mas, se não quiser depender do sorteio para ter a carta de crédito em mãos, pode realizar a oferta de um lance.

Você registra o valor que pagaria pela carta até um dia antes da realização da assembleia. Se o seu lance for o maior daquela assembleia, você fica com a carta de crédito e faz o débito do valor para a administradora.

Mas, se alguém oferecer um valor superior, não se preocupe: você não precisa fazer nenhuma transferência de valor se não for contemplado e pode fazer a oferta em outro momento, se preferir.

Diferencial do UP para consórcio de serviços

Se você ainda tem dúvidas sobre como funciona o UP Consórcios, vamos recapitular.

Antes de tudo, é preciso entrar no site e fazer a simulação em uma das categorias de serviço mencionadas. Selecione o valor da carta de crédito (de R$ 15 mil a R$ 30 mil) e o total de parcelas.

Depois disso, o sistema mostrará o valor da mensalidade antes da contemplação e o valor que ficaria após a contemplação.

O UP faz essa distinção porque, diferente das demais empresas de consórcio, só realiza a cobrança da taxa de administração após a contemplação.

A taxa de administração é um percentual que remunera as empresas de consórcio pela criação e administração dos grupos, além do sorteio dos bens e da entrega da carta de crédito.

Algumas empresas também cobram fundo de reserva, para se proteger ante possíveis inadimplências de consorciados. O UP, porém, não cobra essa taxa.

Taxa de administração x juros

Por mais que as parcelas tenham o acréscimo da taxa de administração, qualquer compra feita por meio do consórcio sai muito mais em conta comparada ao financiamento.

Isso porque as instituições financeiras indexam o valor dos juros ao número de mensalidades. Por exemplo, quanto mais você parcela um bem, mais juros você paga. Essa é uma medida dessas instituições para evitar prejuízos com a inadimplência.

Por isso mesmo, muitas delas exigem que se dê um valor de entrada – pelo menos 10% do total do bem.

Já a taxa de administração do consórcio é fixada logo de cara. Assim que você conclui a simulação pelo site, já fica ciente do quanto deve pagar pela mensalidade.

Com a taxa de administração, há um acréscimo de 0,45% do valor total do serviço após a contemplação.

Por exemplo, se você selecionar uma carta de crédito de R$ 30 mil para qualquer um dos serviços mencionados, em 30 mensalidades, começa pagando R$ 1 mil. Após ser contemplado, o UP acrescenta 0,45% de taxa de administração. Assim, o valor da mensalidade fica R$ 1.145.

Portanto, quanto mais você postergar a entrega da carta pelo UP, melhor, já que vai pagar menos mensalidades com o acréscimo da taxa.

Consórcio tem reajuste?

Sim, a administradora faz um reajuste anual nas mensalidades do consórcio. Ele acompanha os índices inflacionários de forma proporcional ao que você investiu na carta.

Por exemplo, se você começar a pagar mais na cota após um ano de contratação, esse acréscimo também impacta o valor da carta de crédito.

Em um período de inflação com 5%, a sua carta de crédito também incorpora esse percentual. Isso significa que a sua carta não desvaloriza, mesmo que o poder de compra seja afetado no período em que estiver pagando as mensalidades do consórcio.

Contrate já o UP e invista no consórcio de serviços

Toda a simulação do valor da carta de crédito, número de parcelas e escolha do bem pode ser feita no UP de forma digital. Afinal, o UP é o que há de mais inovador em consórcio.

Para fechar o contrato, um especialista do UP liga para você assim que concluir a simulação. Aproveite este momento para tirar dúvidas sobre como funciona a carta de crédito, como ela é repassada após a contemplação, entre outras dúvidas.

Você também pode conversar pelo chat diretamente em nosso site, para que comece a investir seguramente em sua cota.

Faça já uma simulação no UP e receba mais conteúdo sobre tudo que envolve consórcio de serviços inscrevendo-se em nossa newsletter.

Últimas Postagens

Entre investir seu dinheiro e adquirir um bem, escolha as duas opções.

Saiba como investir em uma alternativa financeira sem juros e sem taxa de adesão

Descubra como usar seu FGTS no Consórcio de Imóveis

Confira como aproveitar o FGTS na aquisição da sua carta de crédito

Como planejar uma viagem em família?

Confira algumas dicas e planeje-se para viajar tranquilamente com a família

Descubra o Consórcio de Equipamentos

Investir no consórcio é a melhor alternativa para quem precisa de equipamentos.

Cinco mitos e verdades sobre consórcio

Confira as incertezas mais comuns em torno do consórcio e tire suas dúvidas.

Serviços mais contratados pelo consórcio

O UP oferece um consórcio que atende todas as demandas solicitadas.
Próximo
1 / 13